Agra - Um romance histórico no Raj Britânico

Bem, aproveitando o Widbook que eu já falei sobre aqui na Biblioteca, eu decidi começar um romance histórico, que se passa entre 1840-1860, na Índia Britânica. Se quiserem mais informações vejam a sinopse que escrevi logo abaixo. Infelizmente, tenho duas notas a fazer. 1ª - A história não é completamente original, eu tive muitas influencias e inspirações, de modo, que em muitos pontos é uma expansão das ideias de outros autores, mas, não vou dizer quem foram minhas inspirações, vou deixar para vocês adivinharem( :hihi ). 2ª - Apesar de eu ser muito interessado nesse assunto, e me considerar um conhecedor acima da média, eu não sou conhecedor absoluto, portanto, se tiverem algo a dizer sobre a acurácia histórica, por favor me avisem para que eu corrija/tome providencias a respeito.

Ebook Agra

P.S.:Até agora, só escrevi o prólogo, em breve vou publicar o primeiro capítulo.
2º P.S.: Para quem descobrir e nomear pelo menos minhas 2 principais inspirações, vou nomear um personagem em homenagem. Apenas para ver se está ficando óbvia de mais a minha escrita.( :hihi )

Lerei, com certeza :wink:

Fantastique, boa sorte com o romance. E inspirações… Um britânico na Índia do século XIX me lembra Sharpe…

Para falar a verdade, eu nunca li Bernard Cornwell, apesar de estar interessado. Se quiser adivinhar, vai precisar pensar mais nos clássicos. Ah, falando nisso, quem adivinhar vai ter algum tipo de homenagem no livro. Isso é só para ver se alguém sabe.

Er… Assassin’s Creed? xD

Deixa eu ver então… Kipling?

Prólogo aprovado :wink:

Aguardando prosseguimento.

LOL, não Hiryuu! :hehe E, também não, Divilly.

Apesar de muito curto, saiu o Primeiro Capitulo: A Inglaterra e a Índia. É a partir do segundo, que a narrativa vai tomar uma forma melhor.

Está muito bom. Só há necessidade de revisar algumas acentuações, espaços e vírgulas. E já vi essa forma de escrita antes mas não lembro de onde (mas não leio muitos clássicos).

Sim, eu sei. Considere isso a primeira edição do livro. Agora vou pegar ele só para corrigir gramatica, ortografia e pontuação. Mas, decidi publicar assim antes, para liberar o conteúdo.

Beleza.

Pronto, editado. Melhorei alguns termos e expressões, assim como gramatica, pontuação e ortografia.

Draconiano, hummmm? :hihi
(sim, eu sei o significado do termo “não-rpgístico”, antes que alguém queira bancar o professor :stuck_out_tongue:)

Pronto! Saiu mais um capítulo. Afinal, creio que não vou fazer muito comprido mesmo. Vou seguir um estilo meio Dan Brown. Nem Machado de Assis, com um capítulo de uma linha, nem nada muito longo, como Dostoiévski.

Kill them all!