Cinco bordões clássicos de "Street Fighter II"

Para relembrar os bons tempos de fliperama com nossas nomenclaturas ultra-originais dos golpes

Eu vivo aqui evocando os bons e velhos tempos de quando os fliperamas ainda venciam os consoles domésticos na preferência e adoração dos games. E os motivos não eram poucos: games mais alucinantes, fichas e mais fichas a poucos centavos de seu alcance e a possibilidade de jogar com um monte de amigos e berrando insultos e palavrões – algo que a maioria dos pais jamais permitiam que os filhos fizessem em seus quartos ou na sala de casa.

Nesta mesma época, o entendimento na língua inglesa na maioria dos casos não importava na hora de se divertir e isso, aliado as limitações técnicas que os games tinham no início dos anos 1990, fizeram milhões de bordões típicos nascerem entre os gamers, os do clássico “Street Fighter II” estavam entre os mais populares.

Praticamente ninguém se importava em saber o que os personagens realmente falavam quando soltavam os golpes, tudo o que contava era o que parecia que eles diziam. Você lembra-se de todas estas gírias inocentes e hilérias? Pois vamos agora relembrar cinco dentre as mais famosas:

“Brother!”
Fala original: “Brazil!”
Era dita quando: Estávamos a caminho de lutar contra o Blanka

O primeiro bordão do qual me lembro nem mesmo era dito por algum lutador, mas sim pelo “narrador” da lutas (o cara que repetia “Round 1”, “Fight”, “You win” entre outras) – e acontecia bem no momento em que o aviãozinho aterrissava no Brasil para lutarmos contra o Blanka.

O cara bem que falava “Brazil!”, mas era muito mais fácil e divertido gritar junto com ele “Brother!”. Além deste caso, lembro-me também que no fliperama que eu costumava frequentar o pessoal substituía “U.S.S.R” (União Soviética, arena de Zanguief) por um cômico e absurdo “Neandertal!”, mas não tenho certeza se esta se espalhou.

“Mini Taxi!”
Fala Original: “Spinning Bird Kick!”
Era dita quando: soltávamos o “helicóptero” da Chun-Li

Carregar dois segundos para baixo, jogar a alavanca para cima e pressionar chute. Esse era o comando para o “Spinning Bird Kick” da chinesinha Chun-Li, mas quem disse que o nome do golpe era esse mesmo?

Bem, além da Capcom, parece que mais ninguém. O “Mini-Taxi” ganhou a aprovação da galera com grande velocidade, sendo considerado um dos bordões mais clássicos do game.

“Pro Tek Tek Tuguen!”
Fala Original: “Tatsumaki Senpukyaku!”
Era dita quando: desferíamos a “giradinha de pernas” com o Ryu ou o Ken

Aqui temos muitas variações: há quem dizia que o Ryu e o Ken berravam “Trek Trek Turuget”, outros ainda que pensavam ser “Apu Te Te Tuguen”, isso para citar somente duas das quais me lembro bem.

Porém, a mais aceita versão para o complicado golpe em japonês “Tatsumaki Senpukyaku” ainda hoje é o bizarro “Pro Tek Tek Tuguen”. Para não correr o risco de errar, eu pessoalmente preferia falar “giradinha”.

“Alec Fu!” ou “Alex Fu!”
Fala Original: “Sonic Boom!”
Era dita quando: soltávamos a “magia” (ou, para alguns, o “poder”) de Guile

Ah, Guile! Ô cara apelão pra se enfrentar e jogar, pelos céus.

E seus golpes (todos os dois especiais nos bons tempos de simplicidade), também eram adorados pelos jogadores. A começar pelo “Facão” / “Pente” / “Mortal”.

Mas a estrela mesmo era o projétil que o militar americano atirava ao carregar-se dois segundos para trás, jogar a alavanca para frente e apertar soco: o nome de fábrica? “Sonic Boom”. Mas o nome que estava no coração da galera era bem outro: “O Alex Fu não tá saindo!” / “Vai ficar só no canto dando Alec Fu? Apelão!”

“Tiger Robocop!”
Fala Original: “Tiger Uppercut!”
Era dita quando: fazíamos o comando para o inesquecível “Shoryuken” do Sagat

Encerramos com a mais clássica e, de longe, a mais amada entre os jogadores mais velhos.

Temos neste exemplo um caso típico de referência pop datada: na época em que SFII detonava nos fliperamas, a série “Robocop” estava no auge (“Cinema em Casa” e “Sessão da Tarde” adoravam passar os filmes do cyber-policial Murphy), então foi só a voz ficar um pouco diferente no “Uppercut” para que ele se transformasse imediatamente no movimento mais amado por todos: o “Tiger Robocop”!

[BBvideo 560,350]http://www.youtube.com/watch?v=RjB6sgAfrJU[/BBvideo]

São lembranças que nem um “Pilão Giratório” nas ideias é capaz de apagar…

Fonte: Pop

Cara, pior q na minha época de SF2 ñ lembro d ninguém mandando nenhuma dessas xD

Eu lembro do Alec Fuu… realmente era muito apelão hehehehe :smiley:

Única coisa q eu lembro é do “Ratátsuruki” ou Tatsumaki Senpuu Kyaku

Tinha tmbm o Horiukken xD

E “Raduken”?!