[EMPRESA] Poço de Petróleo Alta Dracônia

[justify][tab=30]Após muito tempo é aberto o único poço na Gardenha pertencente à Refinaria.[/align]

[center]
[/align]

Localização: Cidade de Draguigan, Gardignon.

[spoil]Dados Empresariais:
Razão Social: Poço de Petróleo Alta Dracônia
Conta-Corrente: J056-2
Tipo e Porte: Extrativismo Grande (8)
Funcionários: -
Custo Base: G$s100.000
Matérias-Primas necessárias: -
Contratos de Compra: -
Importação: -
Produção: Petóleo
Contratos de Venda: Petróleo para a Refinaria Alta Dracônia (8)
Exportação: Petróleo para a Refinaria Alta Dracônia (8)
Proprietário: Selma Santini Souza e Silva[/spoil]

A construção da ferrovia na região, mesmo que do lado draconiano da fronteira, cria expectativas de redução de custos de transporte para esta filial.

Boatos de que haveria um grande investimento na empresa deixam os empregados em grande estado de atenção, e os diretores um pouco preocupados.

Com a possibilidade de encerramento das atividades, os operários e alguns diretores fazem uma reunião urgente para poderem salvar seus empregos.

Após diversas reuniões, ficou decidido que se abrirá uma nova refinaria na Gardenha, enquanto a produção ficará estocada e não mais será remetida à Dracônia.

Com o desemprego atual, várias são as pessoas que vem pedir emprego, contudo sem êxito.

Os diretores da empresa estranham o baixo movimento, inclusive ocasionando redução nas receitas da empresa.

A empresa fica temporariamente fechada após um barril cair próxima a um trabalhador.

A produção do poço de petroleo começa a diminuir consideravelmente.

Alguns vigilantes são contratados para cuidar do poço da refinaria.

Um dos vigilantes avista um vulto durante a noite espreitando a refinaria.

Um dos seguranças observa um corte numa das cercas ao fundo da refinaria.

Dois homens são capturados dentro dos termos pertencentes à refinaria. Imediatamente são levados à Gendarmeria.

Nas investigações descobre-se que os homens detidos eram apenas assaltantes.

[tab=30]Um debate entre alguns funcionários da refinaria sobre se a cidade deveria se tornar draconiana fica acalorada, tendo o capataz que acalmar os ânimos e mandar todos retornarem ao trabalho.

Mesmo que inconscientemente os empregados se dividem em dois grupos, os draconianos e os gardenhanos.

O diretor do poço demite três funcionários considerados por ele como os responsáveis pela divisão entre os empregados.

[justify][tab=30]Um telegrama é recebido na empresa.[/align]