[ESCONDIDO]Mansão dos Lashinovs

[tab=30]Em uma densa floresta que cerca boa parte da região da Gardenha,se localiza uma mansão um tanto misteriosa,onde sua existência nunca foi dita para os federais e poucos sabiam de sua existência.A mansão foi construída secretamente pela família russa Lashinov,que desde os primórdios de sua existência controlou um tipo de organização criminosa,que com a revolução industrial se tornou uma verdadeira máfia.Para manter segredo da localização da mansão,todos os operários que trabalharam na construção,quando foi finalizada,foram executados e enterrador não muito longe dali,fazendo-o assim somente o alto escalão da organização saber sua localização.
[tab=30]A família Lashinov,após adquirir total controle sobre os crimes organizados na mãe Rússia,decidiu expandir seu negócio internacionalmente,criando assim sedes da máfia em diferentes países do mundo,indo da Alemanha para a França,da França para o Reino Unido,do Reino Unido para os Estados Unidos até finalmente chegar em Gesébia,onde,liderada pelo caçula da família,Sergey Lashinov,esperava-se tomar total controle do tráfico interno e externo do país.

[spoil][offtopic]Perks:Contrabando e Pelo Don[/offtopic][/spoil]

[tab=30]Por volta das 18 horas,Sergey e seus companheiros finalmente chegam ao antigo QG de operações em todo o Império,que,após admirar o lugar,ordena que os 3 italianos capturados fossem levados para o porão da casa,para futuros interrogamentos,enquanto ele,junto com seu irmão e protegido,começam a projetar um mapa em uma grande sala escondida nas paredes da casa,lá eles demonstram a área de influência e força de Luciano tanto em Áquila como em Gardignon,e assim,começam a preparar os planos para suas ações futuras.

[tab=30][font=Century Gothic]Com a população aterrorizada sobre esse desconhecido inimigo,o próximo passo seria armar a quadrilha com equipamento forte o suficiente para bater de frente com os homens do Luciano,além das outras óbvias ações que necessitam poder de fogo para serem executadas.
[tab=30]Após a calorosa discussão que tomou lugar no salão,foi decidido que havia 3 formas viáveis de conseguir armas para a máfia,cada um dos integrantes do debate defendendo uma.

1-Defendido por Yuri,consistia em invadir as indústrias bélicas na Romania e tomar furtar o equipamento necessário para a possível guerra que estava se aproximando,mas mesmo tendo acesso a rifles e a artilharia pesada,não seria possível adquirir revolveres da indústria,que os não fabricava.
2-Defendida por Vladimir,seria encontrar algum fornecedor de armas pelo Império,mas altamente refutada pois o grupo do Luciano já havia se formado na região e feito contratos com todos eles.
3-Defendida por Sergey,consistia em roubar da Armada Imperial alguns rifles e revolveres,e talvez uma metralhadora,a forma disto seria invadir a “casamata” do Almirante Abramov,e furtar as chaves para os armazéns onde era guardado os armamentos da armada,altamente rentável,mas também altamente perigosa.

[tab=30]No final,foi decidido que seria enviado um espião para cada uma das 3 opções,e a decisão futura seria decidida com base nas informações adquiridas.Logo,a discussão havia se encerrado e a atenção do trio havia voltado aos italianos capturados,que poderiam servir a organização criminosa.[/font]

[tab=30]Após horas de interrogatório,os italianos continuam a manter a boca fechada,onde mesmo sob tortura se recusavam a dar informações sobre Luciano e sua máfia,e com o amanhecer,Sergey finalmente viu que de nada adiantava gastar seu tempo ali,e que os italianos iriam levar seus segredos para o túmulo,então os três foram jogados em celas individuais nas masmorras escondidas da casa,enquanto Sergey se preparava para voltar para a capital e ver o impacto que seu grandioso plano teve na pequena população italiana.

[tab=30]Dias após o ataque ao comboio da indústria bélica Valeyard,o material roubado finalmente tinha chegado ao seu destino,passando por uma cuidadosa transferência desde o porto de Áquila até o de Gardignon,sendo depois levado discretamente e disfarçadamente por carroças comandadas por membros da máfia até a secreta Mansão dos Lashinovs,onde o equipamento foi descarregado,identificado e estocado na mansão,onde futuramente Sergey junto de seus camaradas iriam testar a qualidade da arma,assim como da artilharia,que seria de grande utilidade em qualquer grande ação futura da organitziya,superando drasticamente o poder de fogo dos inimigos e dando uma grande vantagem nos possíveis tiroteios que eventualmente ocorreriam.

[tab=30]Após o teste dos rifles e da peça de artilharia,a Organizatsiya se viu preparada para se opor ao inimigo em um confronto direto,estando assim um passo mais perto de seu objetivo final e pronta para chocar Gesébia como nunca antes…

Pequenos camponeses estranham ouvir barulhos de algo similar a canhões vindos de uma floresta da região. O estranhamento não foi maior pois havia chovido no dia anterior na região e alguns acharam se tratar de trovoadas…

[tab=30]Com a máfia equipada e a “ponta de praia” já estabelecida,Sergey passa a elaborar um plano para finalmente se revelar em Gesébia,assumindo seu verdadeiro papel como líder mafioso e levando a organizatsiya a ter o respeito que ela merece.

[tab=30]Com os fundos acabando,Sergey estabelece um plano para começar a contrabandear ópio para Gesébia,contactando seus contatos em Hong Kong para providenciar os carregamentos e organizando um grupo de homens para se preparem para receber a carga e logo depois distribui-la pelo mercado negro de Gesébia,que estava com alta demanda para tal recurso ultimamente.

[tab=30]Ao receber a carta enviada pelo espião em Áquila,Sergey visualiza a oportunidade de ganhar uma quantia de dinheiro considerável,logo,ele prepara 4 mensagens codificadas para seus espiões espalhados pela cidade,com intuito de preparar uma força de invasão sorrateira ao local e uma rota de fuga segura.

[tab=30]Com a chegada dos espiões em Áquila com o contrabando(rifles),a máfia prontamente se preparou para abrigar os mesmos por algumas semanas para evitar qualquer tipo de progresso na investigação da Gendarmeria,enquanto o armamento foi realocado para Piemonte,onde seria embarcado em uma nau para ser levada para Sunéria para posteriormente ser vendido para os rebeldes bárbaros do oeste.

[tab=30]Sergey estava descansando em sua mansão quando recebeu a carta informando do contato com os bárbaros do sul,e o resultado foi justamente o esperado,os rebeldes aceitaram fazer transações entre materiais bélicos por quilos de ouro,além de se mostrarem dispostos a continuarem participando desta peculiar forma de comércio.Então,sem tardar muito,Sergey envia duas cartas de seu aviário na mansão,onde ficavam todos os pombos-correios,uma com destino a nau mercantil que fez a transação,e outra para alguns comerciantes do mercado negro em um estaleiro secreto em uma das ilhas próximas a Rüden,com pretexto de marcar uma reunião de negócios.
[tab=30]Logo depois,ele manda Yuri e Vladimir para Windhelm,via trem,os alertando para ter cuidado quanto a gendarmeria.

Algumas investigações da Gendarmeria começam a apontar para um local de esconderijo de mafiosos.

Após o confisco da mansão e o devido processo judicial, a mesma é posta à venda num leilão público. Tendo um barão de Draguignan arrematado o bem.