Gabinete do Ministro da Agricultura, Indústria e Comércio

[center]Gabinete do Ministro da Agricultura, Indústria e Comércio[/align]

[size=140][font=Times New Roman][center]Ministro Maxine Falaise

Neste Gabinete, o Ministro da Agricultura, Indústria e Comércio desempenha suas funções e realiza seus despachos.[/align][/font][/size]

[size=140][font=Times New Roman][justify][tab=30]Durante a tarde da quarta-feira, estiveram reunidos no Edifício Tamoios o Primeiro-Ministro, Robert Crawley; o Ministro da Economia, Klaus Van Galagher; e o Ministro da Agricultura, Indústria e Comércio, Maxine Falaise, sendo que todos apresentaram-se acompanhados de seus secretários pessoais.
[tab=30]O motivo da reunião deu-se, sobretudo, à conferência realizada pelo senhor Galagher com a Arquiduquesa. A ideia de expansão das empresas estatais já havia sido comentada anteriormente, mas nada de concreto havia sido definido. Desta forma, Lorde Crawley e seus ministros aproveitaram a ocasião para estabelecer um cronograma e quais empresas seriam expandidas primeiro.
[tab=30]Outro tema abordado na reunião, fora a emissão de títulos públicos. Lorde Crawley demonstrou certa resistência a emissão dos mesmos, muito em razão de uma preocupação com o crescimento da dívida pública. Assim que convencido por Galagher e Falaise, definiu-se que haveria a emissão de cerca de que 50 milhões em títulos, com recompras previstas para 4, 6, 12 e 18 meses. Conforme o mercado demonstrasse interesse, mais títulos poderiam vir a ser emitidos.

[/align][/font][/size]

[size=140][font=Times New Roman][justify]- Paulo, por gentileza, venha aqui. Chamou Lorde Falaise, por seu secretário privado.

[i]- Em que posso ser útil à Vossa Graça?

  • Estes documentos já estão assinados. Providencie o envio para o Primeiro-Ministro.

  • Algo mais, milorde?

  • Por agora não, pois tenho um compromisso no centro. Estarei no Les Amis, se precisarem de mim.

  • Certamente, milorde.[/i][/align][/font][/size]

[justify][tab=30]Após reunirem-se por cerca de duas horas, discutindo projeções econômicas e o lançamento de mais títulos da dívida pública a pedido do Primeiro-Ministro, os ministros Maxine Falaise e Klaus Van Galagher, assinam os decretos a serem publicados.[/align]