[INTERATIVO] Cidade de Rovigo

[center]Cidade de Rovigo[/align]


[font=Garamond][size=150][center]Palácio dos Imigrantes, sede da Intendência de Rovigo.[/align]

[justify][tab=30]Situada no sul da Real Província do Piemonte, a pequena cidade de Rovigo cresceu como um assentamento de cidadãos em idade já relativamente avançada, que fugiam dos transtornos das grandes cidades, para viver em um local tranquilo e com muita paz. O desenvolvimento da cultura de pesca e de cultivo de cereais, impulsionou a economia citadina, diversificando-a e atraindo pescadores e muitos imigrantes, principalmente chineses, que trouxeram consigo, diversos pratos e aperitivos que os frutos do mar da região provinha, desenvolvendo ainda mais o comércio e a extração de peixes.
[tab=30]Posteriormente, chegaram os primeiros portugueses e italianos, que trouxeram novas técnicas de cultivo de cereais e outros grãos, tornando a pequena vila, em um grande assentamento autossuficiente na produção de alimentos. O crescimento vertiginoso fez com que seus populares iniciassem a construção do Palácio dos Imigrantes, inicialmente um museu, que depois, no decorrer do projeto, tornou-se a Intendência da cidade.[/align]

[justify][tab=30]A influência asiática é perceptível em algumas áreas da cidade, tanto é que algumas ruas da cidade possuem suas construções no estilo oriental, além de que o comércio de artigos chineses e também japoneses, é comum. Enquanto isso, em outra parte da cidade, prevalece o estilo europeu de construção, já que possui uma forte colônia portuguesa e também italiana.[/align]

Prédios:
Posto Médico
Escola Primária

Efetivos:
Carabinieri: 100 Soldados [/size][/font]


[tab=30]Com a aproximação das festa de final de anos, o comércio na cidade tem um crescimento interessante em relação aos meses anteriores. Além disso, pequenas casas são construídas e torno da região central da cidade, já que novos imigrantes chegam a cada dia.

[tab=30]Soldados da Carabinieri realizam patrulhas pelas ruas da cidade com bicicletas, afim de evitar possíveis assaltos na calada da noite em Rovigo.

[font=Times New Roman][size=150][i][justify][tab=30]Nos arredores de Rovigo, terrenos sofrem demarcação, e neles são colocadas várias placas indicativas. Durante toda a tarde deste nove de março, diversos funcionários da Construtora Nova Roma, fazendo valer as diretivas contidas no último decreto do Poder Executivo, iniciam os trabalhos para construção do Sistema de Saneamento Real.[/align]

[justify][tab=30]Além de empregar boa parte da população local, este empreendimento é um passo inicial rumo à expansão da atividade industrial, que passa a tornar-se foco principal do Cônsul Hohenzollern.[/align][/i]

[i]

[/i][/size][/font]

[font=Times New Roman][size=150][i]
[tab=30]Tendo chegado à Rovigo no início da manhã, os operários da Construtora Nova Roma iniciaram a demarcação do lote, assim como a alocação de materiais, preparando o solo para receber as estruturas do alicerce. Estimava-se que o tempo de construção seria rápido, estando a obra concluída nos próximos 5 dias.

[/i][/size][/font]


[tab=30]Após vários dias de construção, a primeira unidade da Companhia de Alimentos é concluída.

[font=Times New Roman][size=150][i][justify][tab=30]Nos arredores de Rovigo, terrenos sofrem demarcação, e neles são colocadas várias placas indicativas. Durante toda a tarde deste nove de março, diversos funcionários da Construtora Nova Roma, fazendo valer as diretivas contidas no último decreto do Poder Executivo, iniciam os trabalhos para construção do Sistema de Saneamento Real.[/align]

[justify][tab=30]Além de empregar boa parte da população local, este empreendimento é um passo inicial rumo a melhoria do sistema de saúde que, passa a tornar-se foco principal do Cônsul Hohenzollern.[/align][/i]

[i]

[/i][/size][/font]


[tab=30]Temendo que houvesse conflitos entre a Frente Constitucionalista e elementos da cidade, o intendente local solicita que as forças da Carabinieri fiquem de prontidão, para serem utilizadas quando for necessário, mas evitando que saiam às ruas sem um motivo, para não causar alarde na população.

[font=Garamond Bold][size=150]

  • Senhor, os novos carabinieris chegaram.

  • Ótimo Sargento, são quantos?

  • 100 soldados prontos para servir, senhor.

  • Perfeito, apresente os alojamentos deles e depois mande-os para as ruas, quero que fiquem de olho nesses “constitucionalistas.”

[/size][/font]


[tab=30]Com a chegada de um novo contingente para reforçar a Carabinieri, boa parte destes novos soldados são colocados em patrulha das ruas e praças da cidade, para evitar possíveis confrontos entre os constitucionalistas e a população.


[tab=30]Em vista do grande progresso econômico Real, alguns comerciantes e industriais locais, reúnem-se com autoridades citadinas para discutirem as possibilidades do estabelecimento de uma nova Casa Bancária. Tal empreendimento, seria provedor de recursos necessário a impulsionar, ainda mais, o crescimento da cidade.


[tab=30]Com intuito de reduzir a criminalidade na cidade, boa parte do contingente policial é colocado nas ruas, para defender a população e impedir que novos assaltos e homicídios ocorram.


[tab=30]Comerciantes fazem protesto em toda a cidade após a criação de novas tarifas para circulação de mercadorias em todo o município. Em sua maioria, os protestos são pacíficos, tendo certo enfrentamento nas ruas próximas ao centro.


[tab=30]Durante a tarde, uma correspondência endereçada ao intendente da cidade é entregue por um funcionário dos correios, com o remetente de Ivysson Luz Von Hohenzollern.

[spoil][i]

[/i][/spoil]


[tab=30]A carta enviada pelo Governador da Baixa Lombardia par ao Governador da Toscana está repercutindo em todos os locais, principalmente em Rovigo, onde há grandes possibilidades de construção de um porto comercial de grande porte, elevando o status da cidade e incrementando suas relações comerciais.

[font=Garamond Bold][size=150]
[tab=30]Durante a tarde vários movimentos patrióticos realizaram manifestações por toda a cidade, eles carregavam cartazes com frases como “Gardenha delenda est” e “Não abram a Fronteira,” todas as manifestações foram pacíficas do início ao fim e foram acompanhadas pela Carabinieri.

[/size][/font]


[tab=30]Em vista dos recentes acontecimentos diplomáticos, populares vão as ruas da cidade em protesto contra o país vizinho, acusando-os de afronta a neutralidade romaniana, bem como a paz e a moral dos mesmos. Os cartazes exibidos por todos os lados das manifestações demonstram o apoio do povo à Sua Majestade e às Forças Armadas.

A cidade é invadida pelos soldados embarcados na I Frota ao amanhecer. Os poucos rebeldes que ainda não haviam recuado são pegos de surpresa, com muitos sendo mortos. Logo as forças se preparam para continuar o avanço.