[INTERATIVO] Cidade de Wician-Dun

[justify][size=150][font=fantasy][tab=30]Wician-dun, Acampamento do Monte em draconiano antigo, foi, em sua fundação, um acampamento militar a meio caminho entre Myrce e Firgen. Hoje, a cidade cresceu, sendo a 3ª mais populosa do Ducado da Dracônia, com 300.788 habitantes, de acordo com o Censo 03/1891.

[tab=30]Apesar da origem militar, Wician-Dun se destaca pelas madeireiras, já que se localiza à margem dos Pinheiros Centrais, a maior formação florestal da Dracônia e que ocupa quase todo o território do Estado da Alta Dracônia. Outras atividades incluem o fabrico de móveis, muito apreciados no restante do Império, e o comércio de produtos importados.

[tab=30]Com a criação recente do Estado da Alta Dracônia, Wician-Dun, por sua tradição e posição, tornou-se sede do Governo Estadual.[/font][/size][/align]

Wician-Dun no mapa do Império
[spoil]

[/spoil]

[center]Obras e prédios públicos:[/align]

[tab=30]- FunPAI - Fundo de Pensão, Aposentadoria e Invalidez da Alta Dracônia (aqui sediada);
[tab=30]- CASAD - Centro de Assistência Social da Alta Dracônia (aqui sediada);
[tab=30]- Escola de ensino básico;
[tab=30]- Escola técnica com formação para professores e petrolíferos;
[tab=30]- Posto médico;
[tab=30]- Orquestra sinfônica;
[tab=30]- Coral adulto e juvenil;
[tab=30]- Teatro;
[tab=30]- Sistema de Saneamento Básico;
[tab=30]- Programa de Erradicação do Analfabetismo;
[tab=30]- Força de Suporte à Gendarmeria (60 gendarmes auxiliares);
[tab=30]- Calçamento com pedras no perímetro urbano;
[tab=30]- Estação ferroviária;
[tab=30]- Base dos Rangers Draconianos (100 rangers).

[justify]Chegando em Wician-Dun, um nobre oferece sua casa para o Comissário comer algo, tomar um banho e relaxar antes das reuniões.

Após se recuperar da viagem à cavalo, o Comissário se encontra com alguns políticos, nobres e autoridades da região, ouve suas queixas, sugestões e solicitações.

Entre os pedidos mais importantes está uma melhora no sistema de abastecimento de água para Wician-Dun; inundações em Niwe-Eabrycg e desmoronamentos e por vezes avalanches em Inbhir Nis. Em toda região os problemas são a qualidade das moradias para a maioria da população, a coleta de dejetos e o aumento da criminalidade.

Após fazer algumas promessas e fazer alguns despachos e mandar alguns telegramas, o Comissário e Comendador se despede dos habitantes de Wician-Dun, se dirigindo para algumas outras regiões da Alta Dracônia e de Highlands e depois partiria rumo à Gardignon, para chegar antes do anoitecer do dia seguinte à mesma.[/align]

[center][/align]

[center]Várias pessoas e autoridades se deslocaram até a praça central para ver e receber o primeiro administrador distrital da Alta Dracônia.[/align]

[justify][tab=30]Várias casas estão praticamente prontas com a chegada de tábuas de encaixe que chegaram da Madeireira Dunord. Assim, várias famílias que não possuíam casas dignas agora tem atendidas essa necessidade. Contudo mais famílias ainda precisam de melhores casas e as madeireiras locais começam a usar o mesmo padrão de tábuas de encaixe para atender essa demanda.[/align]

Chegando em Wician-Dun, William dentro de sua carruagem começa a incansavelmente pensar aonde fica o endereço da Residência da família de Gisele, mas enquanto pensava decidi mandar o cocheiro parar, para ele comprar umas flores, então William vai a uma floricultura e compra um buquê de margaridas. Ao voltar para a carruagem, William se depara com Rudolf, irmão de Gisele, ao se encontrarem, Rudolf diz:

  • Não acredito! És mesmo vós, William?! O Canalha que abandonou minha irmã! E pior gravida de um filho seu! O que tens a dizer?!

  • Acalme-se Rudolf! Eu vim aqui, exatamente para resolver minha situação com vossa irmã, ela sabe disso, fique tranquilo Caro Amigo.

  • Não me chame de amigo! Vos vistes aqui somente porque vós ficastes pobre, depois de gastar todo o seu dinheiro com luxos, festas e mulheres na Alemanha, e assim, decidiu voltar para sua mulher e filho para tentar seu perdão!

  • Creio que vós tens um pensamento muito errado do meu caráter, mas não estou aqui para discutir com vós, olhe o povo já começa a ficar nos olhando, estou aqui para falar com vossa irmã e com seus pais, venha suba em minha carruagem e me mostre onde você mora.

  • Ok, e o mínimo que você pode fazer, depois de todos os problemas que causastes!

Então ambos sobem na Carruagem, e chegam no bairro residencial onde a família de Gisele mora, ao avistar a Casa de Gisele, William diz a Rudolf:

  • Agora, se prepare, nós nos tornaremos membros da mesma família em breve…

[offtopic]Vou continuar em outro post, pois neste não cabe. :wink: Desculpem o double post. :slight_smile:[/offtopic]

[offtopic]Continuação:[/offtopic]

  • Se dizes, apenas quero ver.

  • Bem, Gisele esta no oitavo mês de Gestação, não?

  • Sim, cretino, não sabes fazer as contas?

Então ambos descem da carruagem e Rudolf manda William esperar, então eis que Gisele aparece com uma barriga que não pode deixar duvidas, e pelo jeito, William percebe que parecia que era mais de um bebe, mas ele não pensa e muito e logo corre em direção a Gisele e da um longo beijo nela e se abaixa e da um beijo em seu ventre e olhando para seu rosto diz:

  • Meu amor, eu voltei, como vós prometi, eu quero me desculpar por tudo que fiz a vós e a sua família, meu amor… Perdoa-me? Pode ser sincera.

  • William, meu amor… E claro que vos perdoo, mesmo que fizestes algo errado ,eu vós perdoo, digo isso por nosso filho também – Gisele começa a ficar emocionada e ela e William se beijam.

  • Podemos ir para um local privado? – Diz William, então os dois vão para o jardim da Casa e La começam a conversar por duas horas. Ao voltarem, Gisele diz para Rudolf chamar seus pais, e Gisele diz:

  • William, papai esta muito doente, mas ele e mamãe ficarão muito felizes em ouvir o que temos a contar, eles sempre gostaram muito de você, diferente de Rudolf que o odeia, mas acredite, ele mudara de opinião.

Então os Pais de Gisele, o Senhor Agnolf e a Senhora Victoria chegam na sala de Residência, Victoria fica aparentemente muito feliz ao ver William, então Gisele diz:

  • Pais e Rudolf, eu e William conversamos e mesmo depois de tudo que ele possa ter feito, nos decidimos: IREMOS-NOS NÓS CASAR! – Então a Senhora Victoria abraça a sua filha, enquanto William aperta a Mão do Sr.Agnolf que tem sua saúde claramente afetada, depois de toda a comemoração, Gisele e William decidem fazer um passeio pelo Centro de Wician-Dun, para comemorar seu Noivado.

Depois de aproveitar a noite, William e Gisele voltam para a Residência e vão dormir.

Quando o dia chega, William e Gisele decidem ir juntos para Firgen, então os dois pegam uma carruagem alugada e vão para a Cidade.

[size=132] Depois de ter hospedado no hotel de Wiccian Dun, conhecendo bares da cidade, diga se paisagem ótimos bares, conhecendo cidadãos da cidade, uma cavalgada pelos bosques. Decido fazer caminho diferente para Myrce, indo pela floresta que consequente teria atravessa rio.
Estando a 1 km da de Wician Dun, pegou mapa e começou grita.

-Mas que droga, aquela chuva estragou mapa. – na àquela hora os seguranças que acompanhavam se assusta e afasta ate que um chega perta e fala.

-Senhor, o que faremos?

-Iremos não, teremos que seguir nossos extintos para ir Myrce. Perante aquele momento o Hoken lembra quando adolescente Darker e Hans falavam que família fama de ser chamados de lobos. Em seguida olha para seguranças e faz sinal para seguir, dando disparada somente ficou cético mas não tinham escolha e teve que seguir.
[/size]
[offtopic]por favor, considere essa ação foi feita na quinta, porque na quinta meu irmão de manha mudou o modem de lugar e não terminou sendo que trabalha a tarde e ate noite, ia coloca fim da tarde mas internet ficou lenta parecendo net discada[/offtopic]

[tab=30]Carroças chegam à cidade e os feridos são levados ao posto médico, alguns enfermeiros acompanharão os feridos mais graves até Firgen.

[center]E as obras tem início poucos dias após a resolução de Sir Richard Caçador destinando o dinheiro para as obras.

[/align]

Uma sege cruza as bordas da movimentada cidade de Wician-dun a trotes vertiginosos dos cavalos a frente. Em meio a outros veículos, ela para nas adjacências da estrada, bafejada pelos ruídos dos machados que descem sobre os pinheiros próximos. Um homem vestido elegantemente junta-se aos passageiros do carro e dá sinal para partida. Alguns minutos depois outros coches operam o mesmo processo.

[justify][tab=30]A Cidade de Wician-Dun estava agitada. Pela manhã um grupo de Rangers Draconianos chegou à cidade, se reunindo com o Intendente da Cidade. Após muita conversa, se dirigiram à uma construção abandonada nos limites da cidade. Uma antiga casa de campo com uma bela área gramada, que começaria a ser reformada e viria a ser uma Base dos Rangers Draconianos.
[tab=30]Apesar da demora, a população estava feliz pelo governo não haver esquecido deles neste momento de ansiedade e preocupação.
[/align]

[center]

O prédio do Teatro 25 de Julho (em homenagem aos colonos germânicos) é terminado, faltando somente os acabamentos internos para a inauguração. Na imagem o prédio administrativo.

Panfletos são distribuídos na região anunciando a inauguração para o dia 25 de agosto.[/align]

[hr]

[center]
Prédio administrativo do município e da região. Na frente o primeiro carro da Alta Dracônia (existem quatro na região), destinado a prestar serviços administrativos.[/align]

[center]Com o terremoto e com os esforços de recuperação as obras públicas atrasaram e a inauguração do teatro teve que ser adiada, contudo os construtores informaram que se não houve maiores problemas a inauguração se dará até o final do mês.[/align]

Após dias de trabalho continuo, pois a obra estava atrasada pelo desastre, finalmente Bohhanon e seu homens chegam até Wician-Dun concluindo assim a primeira parte das obras.

Uma pequena estação ferroviária foi construida e algumas pessoas se juntam para verem a chegada da primeira locomotiva em sua cidade, era progresso chegando até os mais distantes ponto da Draconia graças ao grande empenho da Kaiser Ferroviária e Logística, liderada pelo Barão do Trilhos Julio Cesar Prudente de Morais e com a ajuda imprescindível do Governo da Draconia nas pessoas de Richard Caçador e de sua Alteza Duque Alexander Di Draconi.

Devida a tensão de um conflito armado ou de outros atentados uma cerimônia de inauguração não seria possível de ser realizada, mas a linha Wincian-Dun, já estava ligada as demais linhas e os usuário poderiam usufruir de viagens para Firgen, Cisalpe, Aquila, Gardignon, Piemonte e Dunord.

Após um dia de descanso as obras retornam seguindo para o norte com destino Myrce.

[center]Os ensaios com o coral e a orquestra prosseguem e a inauguração do Teatro é marcada para o dia 25 de agosto.[/align]

[BBvideo 640,80]http://www.youtube.com/watch?v=TNnz9ngsWcE[/BBvideo]

[offtopic]Desconsiderem a imagem do vídeo, é só para dar um exemplo de repertório.[/offtopic]

[tab=30]O Comissário e sua comitiva chegam à Wician-dun, sendo recepcionados por nobres e autoridades locais. Jantarão e conversarão com o líder da cidade e depois irão à estreia do Teatro, pernoitando na casa de correligionários. Pela manhã embarcarão no trem rumo à Firgen e depois à Gardignon.

[center]A inauguração do Teatro causou uma confusão que a multidão precisou ser contida e organizada pelos gendarmes e pelos auxiliares. Todos os nobres e ricos da Alta Dracônia fizeram questão de comparecerem, além de vários curiosos que estavam em frente, para ouvir a apresentação nem que fosse da rua.

Inicialmente foi tocado os hinos de Gesébia, da Dracônia e da Alta Dracônia. Posteriormente houve apresentações alternadas e conjuntas dos corais adultos e das orquestras, bem como uma apresentação dos corais juvenis; deixando o público orgulhoso pela cultural local estar desenvolvendo-se.

Dentre as obras apresentadas estava clássicos de Bach, Beethoven e Chopin.

[spoil][BBvideo 640,400]http://www.youtube.com/watch?v=t-6U7dpx6xk[/BBvideo]
[BBvideo 640,400]http://www.youtube.com/watch?v=tpGSzH0Wlls[/BBvideo]
[BBvideo 640,400]http://www.youtube.com/watch?v=KT_G9BSdH1Q[/BBvideo][/spoil]

Ao final foi tocado os hinos de Wician-dun, Niwe-Eabrucg e Inbhir Nis.[/align]

[justify][tab=30]Com a conclusão da construção da Base dos Rangers em Wician-Dun, 100 Rangers Draconianos passam a fazer a segurança dos cidadãos, agindo em conjunto com as forças da Gendarmeria.[/align]