[INTERATIVO] Esc. Prep. de Oficiais do Exército Real

[center]Escola Preparatória de Oficias do Exército Real (EPOER)[/align]

[size=150][font=Times New Roman][justify][tab=30]A Escola Preparatória de Oficiais do Exército Real fora construída no início de 1892, semanas após a Proclamação da Independência do Reino da Romania.
[tab=30]Principal Instituição de Ensino Militar do Reino, a EPOER tem como sua principal missão a transformação dos mais apitos soldados, formando-os em distintos e leais Oficiais a servirem nas fileiras Exército Real.
[tab=30]A Sede da Escola localizada-se na região central da Cidade de Padova, sendo a rotina dos Cadetes alicerçada na mais eximia disciplina de horários e regulamentos dessa prestigiosa Instituição.

Efetivo: 150 Cadetes[/align][/font][/size]

Ainda na manhã do sábado, 27 de fevereiro de 1892…

[size=150][font=Times New Roman][justify][tab=30]Após concluir o percurso de viagem, atravessando boa parte do centro da cidade de Pavoda, o comboio finalmente alcançou o perímetro da EPOER. Já no pátio da escola, o Marechal então desceu de sua carruagem, ao tempo que todos os outros membros do Estado-Maior também apeavam de suas conduções.
[tab=30]Sendo recepcionado pelo Oficial-Diretor da Escola, o Coronel Antonio Caruso Bragatti, o Marechal seguiu cumprimentando oficiais que postavam-se em fila, lado a lado, muitos dois quais Wilhelm via pela primeira vez. Muitas autoridades civis também se faziam presentes na cerimônia, dentre estes, o Intendente Dioclécio Almeida Borges, um convicto conservador com quem o Marechal já havia confraternizado, quando do grande treinamento realizado pelo Regimento Carabinieri, no ano anterior.

[tab=30]Assim, após cumprir rigorosamente o protocolo previsto, Wilhelm dirigiu-se para o púlpito do Comando, onde realizou um breve discurso.

[b][i]- Gostaria primeiramente, de cumprimentar todos aqui presentes, em especial o nosso Oficial-Diretor, Coronel Bragatti, assim como o Intendente desta patriótica Cidade, Sua Excelência, o Sr. Dioclécio Borges.

  • Quero dizer a todos que fico muito satisfeito que o Governo, em nome de Sua Majestade, o Rei Humberto, tem ouvido os nossos apelos para transformar nosso Exército numa potência continental. E esta Escola Preparatória de Oficiais que hoje eu inauguro com muito orgulho, será o alicerce de formação dos nossos heroicos homens de comando. Tenho certeza também, que a escolha de Padova para lotear este empreendimento, assim como o Quartel a 1ª Brigada de Engenharia, não é sem sentido.

  • Hoje eu realmente pude ter a demonstração mais fervorosa de uma população que reconhece o valor das Forças Armadas Reais, cujo dever sempre será proteger os nossos lares e ente-queridos, assim como garantir ao inimigo que pense duas vezes, antes de tentar violar nossa Soberania Nacional.

  • Destarte, quero mais uma vez glorificar Sua Majestade por confiar a mim e todos que me seguem, o dever de reestruturar as Forças Terrestres do Reino da Romania e, também, dizer aos Cadetes que hoje ingressam na EPOER que tenham fé em Deus, sejam firmes e não poupem esforços para honrar a farda que vestem, para honrar a Bandeira que defendem. Deus abençoe a todos nós, Deus abençoe a Romania.[/i][/b]

[tab=30]Ao encerrar seu discurso, o Marechal deixa o pequeno púlpito ovacionado por aplausos de gritos de “Viva o Rei Humberto” e “Viva o Exército”. Após receber os cumprimentos e saudações de mais inúmeros oficiais e membros da elite municipal, o Marechal seguiu para última parte do protocolo a ser cumprida antes do almoço ser servido.
[tab=30]Acompanhado do Coronel Bernardi, do Coronel Bragatti, do General de Brigada Rainer - que também havia acompanhado a cerimônia, assim como demais oficiais membros da Estafe, Wilhelm procedeu com a revista ao 150 Cadetes. Fazendo questão de saber o nome de todos e sua procedência, o Marechal gastou longos minutos naquele processo.
[tab=30]Findando a inspeção todos seguiram para Salão de Confraternizações do prédio que abrigada o Comando da Escola. Após saborear um delicioso almoço, o Marechal despediu-se do Oficial-Diretor lhe desejando um bom trabalho e, junto daqueles oficiais que acompanhavam, embarcou numa das carruagens do comboio, que iniciou o retorno para Capital na tarde do memorável sábado, algo que ficaria para sempre nas memórias do militar.[/align][/font][/size]

[size=140][font=Times New Roman][justify][tab=30]Após passarem algumas semanas realizando treinamentos de preparo físico e exercícios diversos, tal como o de tiro de guerra, os Cadetes do Exército Real passaram à parte do Treinamento Teórico, começando pela disciplina de Ciências Administrativas. Numa das diversas aulas:

- Bom dia a todos! – disse o Oficial Professor, enquanto tomava posição diante de sua mesa, enquanto os cadetes postavam-se bradando continência.

- Hoje estudaremos as abreviações a serem utilizadas nos despachos administrativos, comunicações internas e documentos oficiais do Exército Real.

[tab=30]Assim que todos os cadetes tomaram assento, o professor iniciou sua digressão sobre aquela temática.

- Quando vós referirem-se ao contingente de soldados e oficiais que compõem o efetivo do Exército Real, utiliza-se as seguintes nomenclaturas:[/align]

[tab=250]Marechal … Mar
[tab=250]General-de-Exército … Gen Ex
[tab=250]General-de-Divisão … Gen Div
[tab=250]General-de-Brigada … Gen Bda
[tab=250]General Médico … Gen Med
[tab=250]Coronel … Cel
[tab=250]Tenente-Coronel … Ten Cel
[tab=250]Major … Maj
[tab=250]Capitão … Cap
[tab=250]Primeiro-Tenente … 1º Ten
[tab=250]Cadete … Cad
[tab=250]Sargento … Sgt
[tab=250]Soldado … Sd

- Também haverá necessidade que aprendam abreviaturas referentes as grandes unidades, unidades menores e instalações:

[tab=280]Grandes Unidades

[tab=200]Exército Real … ER
[tab=200]Divisão de Exército … DE
[tab=200]Exército de Campanha … Ex Cmp
[tab=200]Brigada de Caçadores … Bda Caç
[tab=200]Brigada de Engenharia … Bda Eng
[tab=200]Brigada de Artilharia … Bda Art
[tab=200]Brigada de Cavalaria … Bda Cav
[tab=200]Brigada de Infantaria … Bda Inf
[tab=200]Batalhão de Dragões Reais … Bat Dg R
[tab=200]Teatro de operações … T O

[tab=280]Unidades Menores e Instalações

[tab=200]Regimento … Reg
[tab=200]Batalhão … Bat
[tab=200]Pelotão … Pel
[tab=200]Bateria de Canhões … Bia Can
[tab=200]Bateria de Obuses … Bia O
[tab=200]Hospital de Campanha … H Cmp
[tab=200]Hospital de Convalescentes … H Cnv
[tab=200]Hospital de Evacuação … H Ev
[tab=200]Hospital de Guarnição … H Gu
[tab=200]Base Avançada… Ba A
[tab=200]Base Administrativa … B Adm
[tab=200]Base Logística … Ba Log
[tab=200]Base Depósito … Ba Dep
[tab=200]Base de Suprimento … B Sup
[tab=200]Comando de Fronteira … C Fron
[tab=200]Depósito de Suprimento … D Sup
[tab=200]Posto de coleta civis … P Col Civ
[tab=200]Posto de coleta de mortos … P Col M
[tab=200]Posto de coleta de prisioneiros de guerra … P Col PG

[tab=30] E assim seguiu-se a aula, tendo os cadetes estudado os tipos de abreviações e outras nomenclaturas concernentes a comunicação interna do Exército Real.[/font][/size]

[justify][tab=30]Preparativos são iniciados para que no próximo dia 15, seja realizada a cerimônia de formatura da 1ª Turma de Cadetes da Escola Preparatória de Oficiais do Exército Real.[/align]

[justify][tab=30]Com a estrutura necessária para que o cerimonial de formatura fosse realizado completamente pronta, ao término da tarde e início da noite, a EPOER já recebia alguns dos convivas para o dia seguinte.
[tab=30]Sobretudo, começavam a chegar e instalar-se nas dependências da escola, membros dos comandos de algumas Brigadas do Exército Real, dentre eles, os Generais Maserati, Pontello e Voltollini. Todos estavam acompanhados de suas Estafes.[/align]

[justify][tab=30]Durante a tarde do dia 15, transcorreu-se a cerimônia de formatura da primeira turma de cadetes treinada pela EPOER.[/align].

[font=Garamond Bold][size=150]
[tab=30]A recente reforma e expansão do Exército, amparada por uma forte propaganda militarista, faz com milhares de jovens e adultos procurem os Escritórios e Pontos de Recrutamento espalhados pelo Reino. O sentimento de dever para com o Rei e o Reino é algo tão forte nos jovens que é visível o desejo de lutar pela Glória da Romania.

[center]Jovens e adultos no Ponto de Recrutamento de Padova.[/align]
[/size][/font]

[font=Garamond Bold][size=150]
[tab=30]Devido ao fechamento da Escola de Fortificações o número de alunos na EPOER tem um rápido crescimento, porém tal crescimento não prejudicou a qualidade de ensino da instituição.

[/size][/font]

[font=Garamond Bold][size=150]
[tab=30]Cada vez mais e mais alunos se formam, devido a falta de vagas no serviço ativo grande parte dos formandos assume cargos burocráticos ou é temporariamente movido para a reserva.

[/size][/font]