[INTERATIVO] Hospedaria dos Imigrantes de Catania

[center]HOSPEDARIA DOS IMIGRANTES DE CATANIA[/align]


[font=Times New Roman][size=150][i]
[tab=30]A crescente chegada de imigrantes, pobres em sua maioria, fez com que diversas autoridades preocupassem-se com a primeira morada dos novos residentes do Reino. Em vista desta preocupação. o Cônsul Ivysson Luz von Hohenzollern, com recursos próprios, decidiu abrir a Hospedaria dos Imigrantes no Porto de Catania, uma das principais rotas de entrada de imigrantes.

[tab=30]No local, os imigrantes passarão por exames dentários e médicos, para identificação de possíveis doenças que possam propagar. Além disso, contaram com alimentação, dormitórios e uma pequena biblioteca, onde seus filhos poderão estudar.

[tab=30]Os imigrantes permanecerão no local até encontrarem uma casa própria ou apartamento para poderem residir ou no prazo máximo de dois meses. Após sua saída, não será cobrado nenhum valor da hospedagem dos mesmos no local.

[/i][/size][/font]


[tab=30]Os primeiros imigrantes a ocuparem a Hospedaria dos Imigrantes, recém criada, são de origem italiana, que acabaram de desembarcar no Porto de Catania. O Embaixador Italiano na Romania, Ettore Sequi, vai até o local, conversar com os recém chegados e analisar as condições em que os mesmos serão submetidos nos próximos dias.


[tab=30]Novos imigrantes são encaminhados à Hospedaria, que encontra-se a ponto de atingir a capacidade máxima de hospedagem. Em vista disto, a direção da mesma procura agilizar os trâmites burocráticos para ajudar os residentes a encontrarem emprego e uma residência própria para morar.


[tab=30]Durante a tarde, dois navios chegaram do Reino da Itália, trazendo consigo um total de mil e quinhentos imigrantes, desejosos de terras, riquezas e tranquilidade em seus últimos momentos de vida. Assim que desembarcam no porto, são encaminhados até a Hospedaria, onde ficarão em caráter provisório.


[tab=30]Os recentes imigrantes espanhóis que desembarcaram no porto são submetidos à uma rigorosa inspeção médica, haja visto que são originários de uma região da Espanha com surtos recorrentes de gripe.


[tab=30]Imigrantes italianos e alemães que haviam sido os primeiros a utilizarem dos serviços da Hospedaria, conseguem emprego e residência na cidade de Catania, saindo da primeira, o que acaba por disponibilizar mais vagas.


[tab=30]Imigrantes ingleses e escoceses são matriculados na Hospedaria e ficaram pelos próximos três meses no local.


[tab=30]Mais imigrantes chegam na Hospedaria, sendo devidamente registrados na unidade e seus dados, encaminhados à Áquila, para que seja concedida as cidadanias romaniana a estes.


[tab=30]Afim de garantir o pleno funcionamento de todo o sistema, alguns homens são colocados no entorno e dentro da unidade.