[M2TW] A Grande Guerra-The Elder Scrolls

Jogo: Medieval 2 Total War.
Mod: The Elder Scrolls Total War.
Está é minha primeira ARR, ela será bem simples e curta, mas isso abre a possibilidade de um maior aprofundamento nas batalhas e narrativas. Espero que gostem.
Leiam antes: aminoapps.com/c/theelderscrolls … xN4blpmeg7

Mapa principal.
A Grande Guerra
Mais de um século já se passou desde a morte de nosso conquistador, nós voltamos a prosperar, plantar, construir e a ter espadas! É chegada a hora de nossa vingança, não permitirei que o homem que foi nosso carrasco seja adorado como um dos divinos. Eu queimarei seus templos e matarei seus sacerdotes, Talo será apagado deste mundo, assim diz o rei supremo dos Summerset Isles, eu, Naarifin.
O amanhecer chegou ao acampamento do rei dos elfos, Naarifin. Ele admirava o mar de tendas douradas que protegia seus 80 mil elfos da chuva e do vento, as tendas se estendiam pela planície de Leyawiin além da vista, até mesmo vistas élficas. Os preparativos para a guerra já estavam prontos, a mais de um ano que as forças do Aldmeri Dominion se preparavam para a guerra, mas hoje a guerra realmente começava. O rei liderava as tropas do sul que iriam subir o rio Bravil até a Cidade Imperial, enquanto seus lordes lutavam no outro lado de Tamirel defendendo as Summerset Isles e assolando a costa oeste do Império e de Hammerfell.

A estratégia já estava formada há meses, o rei iria aproveitar-se da superioridade naval dos elfos para transportar seu exercito pelo rio até a cidade Imperial, enquanto ele iria desembarcar e pegar o centro do poder Imperial de Surpresa os Khajits e os Bosmers iriam pressionar a fronteira sul do Império de forma simultânea aos ataques realizados pelos seus lordes na costa oeste.

Rei elfo acampado com seu exercito em Leyawiin.
Por cautela fora enviado batedores para cobrir as margens do rio e metade do exercito iria seguir a pé pela margem para impedir qualquer imprevisto. A decisão de enviar os batedores mostrou-se acertada, eles encontraram uma vila com imperiais, mas aparentava ser apenas uma simples guarnição.

A viagem pelo rio foi tranquila, porem o rei elfo era precavido, fez toda a viagem em formação de batalha até que finalmente desembarcou, ele ainda estava montando seu acampamento quando um mensageiro chegou. Ele anunciou a grande boa nova, Riad e Avil foram atacadas e conquistadas.

Desembarque de Naarinfin.
Meu rei, nossas tropas foram vitoriosas na costa oeste, Avil estava praticamente desguarnecida e sua tomada foi fácil, mas já Riad fora tomada a custa de um milhar de nobres vidas élficas.

Riad sendo atacada

Arannelyan liderando o ataque a cidade dos redguard.

O rei sabe que já é hora de terminar com a guerra e após dar descanso a seus homens marcha de encontro ao Imperador.

Ataque a Cidade Imperial.
O Dominion finalmente está nos portões de seu inimigo. Naarifin coloca suas dezenas de milhares de elfos em formação de batalha.

A Batalha da Ponte de Sangue
A cidade de Talos estava a sua frente, anos de ofensas e massacre estavam prestes a ser vingado tudo o que precisava ser feito era passar pelos muros brancos, a joia da coroa imperial.
O rei ordenara que seus homens atravessassem a ponte quando de repente ouve os portões da cidade abrindo e vê milhares de cavaleiros e homens saindo da cidade e cavalgando em sua direção na forma de uma insana carga, Naarifin logo entendeu o que eles planejavam era para-los ainda na ponte.
O próprio imperador liderava a primeira cunha de cavaleiros, eles marchavam e gritavam com enorme fúria em direção aos soldados elfos, em uma ordem rápida e precisa o lorde de Aldmeri ordenou que seus piqueiros levantassem suas lanças que defendessem seus soldados da cavalaria inimiga.
A grande carga chocou-se contra os contra as lanças que penetraram nos peitos dos cavalos fazendo seus cavaleiros voarem e morrerem pelas espadas dos elfos espadachins que estavam logo atrás das linhas de piqueiros. O próprio Septim pereceu nessa loucura de sangue e bravura, os cavaleiros sobreviventes recuaram, os blades que lideravam as tropas a pé ao ver seu imperador empalado por um pique enfureceram e partiram para recuperar o corpo do homem que juraram proteger, pois sabiam que tinham falhado em seu dever e não lhe restava mais nenhum caminho honrado que não fosse a morte.
Os trinta blades cortaram e perfuraram por toda a ponte, nunca houvera fama tão bem fundada quanto a dos blades, eles eram sem duvida exímios espadachins, mas eram 30 contra 80 mil. Os magos de batalha de Thalmor uniram seu grande poder e exterminaram com um único ataque de poder todos os inimigos que ainda tentavam desesperadamente defender a ponte. A essa altura os legionários sem liderança alguma fugiram de volta para sua cidade, eles tinham quebrado, o medo dominara seus corações e Naarifin não vacilou em seu comando, ordenou que a cavalaria élfica exterminasse os legionários.
O massacre fora total e a cidade de Talos estava indefesa e o próprio rei liderou o genocídio. A cidade nunca irá esquecer-se das Noites de Sangue.
O Império se rende e assina o tratado Branco-Dourado.

Cidade saqueada

Tratado Branco-Dourado
Leiam: aminoapps.com/c/theelderscrolls … xN4blpmeg7.

Só, cada as imagens???