[NTW] Como ganhar da França com a Grã-Bretanha

Existe algum modo de eu vencer a frança com essa amada facção? Eu sempre perco pro Napo em Paris xD. O Duke de Wellington (Eu acho que é assim) é um general que eu tenho muito dó, devido as várias mensagens de que ele foi ferido em batalha. Já Ultrapassou de 17 :hehe . Enfim, a Austria não ajuda pelo que eu vejo e nem a Rússia, muito menos a Prússia. Eu sou um péssimo general no Napoleon. E um péssimo monarca xD

Existe sim , mas é assim , se a poderosa França já conquistou muitas regiões como por exemplo até á Rússia vai te dar vantagem e desvantagem ou seja a França quando está muito grande vai ter tendencia em enviar toda a tropa para a zona da Prússia para tentar conquistar a Rússia e eles deixam Paris e algumas cidades sem nada mesmoo que tem vantagem para você.
O truque é conquistar Portugal depois seguir para Espanha e conquistar toda a Espanha e depois criar grande exércitos na espanha e em Portugal e invadir a partir dos Pirinéus pelo Sul da França, o que vai fazer com que as tropas do Napoleão voltem para trás para te tentar correr contigo das regiões deles , e ai a Rússia tem vantagem ou seja começa a invadir porque vê que as forças do napoleão estão a retirar, eu aconselho a fazeres um cerco a paris com umas 3 Full Army´s, na verdade o problema é que os Franceses têm muitas tropas Elite e têm bastante mural nas batalhas, mas claro eu falo mas não sei se tens uma economia suficiente para teres grandes exércitos e marinha e ao mesmo tempo ganhares muito para conseguires desenvolver ao mesmo tempo da guerra , para isso precisas de muitos tratados comerciais e claro fazer muitos e muitos “trades ship” barcos de comércio e meter nos enclaves comerciais para ganhares muito dinheiro, mas você está a jogar com os ingleses que até estão numa ilha e têm grandes tropas , generais e almirantes já para não falar nos barcos , por isso não vejo grande dificuldade com os ingleses , agora se tivesses a jogar com Portugal ai sim ias ver que era mais complicado!

[glow=red]Conclusão[/glow]

Conquistar a península Ibérica primeiro e fazer muitos barcos comerciais e depois invadir o sul da frança até paris!

Eu não tenho uma economia boa pra fazer isso.

Se você não pode bater logo de frente com o adversário é melhor fazer uma aproximação indireta.
Nesse caso eu te aconselho a fazer algumas escaramuças: desembarque com um pequeno-médio contingente e ataque os portos, saqueie uma cidade ou as construções da província e volte para os navios. Ataque em outra região e ataque os portos, saqueie as cidades e as construções da província e volte a se retirar. A ideia é Infernizar o inimigo, entrar causar estrago, e sair e não manter essas regiões.
É um tipo de guerra de atrito, tu vai causar problemas para a economia do inimigo saqueando as cidades e portos e pode usar o dinheiro arrecadado nos saques para aumentar seus exércitos. São pequenas incursões, mas com o tempo elas vão minando a economia inimiga e te da o tempo de fortalecer a sua.

Mas, a questão é que os franceses tem uns exércitos que ficam me atacando toda hora e eu simplesmente perco porque sou um péssimo general. Gibraltar me dava uma economia boa graças ao commercial post (acho que é assim que se escreve) que eu criei. Horatio Nelson tá lá derrotando as frotas mercantes francesas e espanholas pra que eu enfraqueça esses malditos.

Duke de Wellington e um general que eu recrutei para minha causa estão em Terra em Paris aquentando os full’s dos franceses. Agora que eu tive a proeza de perde o Robert Ross (General Recrutado) numa batalha que perdi tbm o exército todo, eu perdi Paris. Tive que recuar para Caen e England para o Exército De Wellington dar um abastecimento bom e continuar minha guerra com a França. A Austria, Russia e a Prussia não ajudam em nada.

PS: Os carinha que eu esqueci o nome (Acho que é Batavian Republic) eles tbm não me deixam em paz por mar. Só bloqueando minhas rotas comerciais

Qual sua dificuldade as batalhas em campo, os sítios?
Posta umas SS da situação geral, quem sabe eu não possa te ajudar melhor.

Dificuldade da campanha: Normal
Dificuldade da batalha: Hard
Sem Conselhos
Tempo limite: Sem Limite pra as batalhas

E o que é SS? Sreen Shot? Eu não sei colocar imagem aqui. já me ensinaram, mas eu só aprendo com alguém acompanhando :frowning:

Be Happy!
:slight_smile:
[spoil]





[/spoil]

Vou fazer uma conta lá, tirar print e depois coloco lá pra postar aqui. Acho que vai demorar… ¬.¬

Edit. O que é Zip Code? É necessário colocar/preencher?

Nem lembro, faz teeeeempo q fiz a minha. mas acho q ñ

rsrs
Na verdade eu queria saber qual é p problema que você esta tendo na batalhas, se tem dificuldades em comandar as tropas, formações ou composição do exercito etc.

Sobre as imagens é fácil, use este tutorial que o Hiryuu te passou que não tem erro. :wink:

Eles sempre vem com um full, eu tenho geralmente em cada exercito:
5 foot’s (line infantry)
4 light cavaly
4 light infantry
3 artilharia a cavalo (Sei lá como é em inglês e português essa bagaça xD)

Eu deixo as unidades de linha no centro, a infantaria leve, duas em cada flanco pra impedir um “assalto” atrás de mim.
Cavalaria nos flancos, duas em cada flanco. Aí o mais óbvio… O GENERAL ATRÁS.

Start Battle…

A cavalaria eu mando pra trás do inimigo pra tentar causar um estrago e deixo como proteção os meus flancos a light infantry (Só pra previnir). Line infantry eu mando avançar e deixo o tiroteio rolar…

General sempre atacado, mando recuar. Só que sua areá de inspiração não atinge minhas tropas e acaba por desertar cedo d+.

Cavalaria sempre morre. Não importa se é em combate com os Dragoons (sei lá como se escreve) ou com 3 tiro na cabeça xD

Essa é minha estratégia de sempre. Nunca tentei mudar. Porque se eu mudar é como deixar meu exército virado para trás deixando os franceses meterem bala. Eu sou um caso sério kkk

Bom, vou falar algumas táticas que eu uso talvez te sejam úteis:

Em qualquer batalha use sempre o terreno, negue as posições elevadas ao inimigo, evitando assim ter que atacar em desvantagem. Escolha você onde vai haver a batalha. Tenha sempre a inciativa.
Use a cavalaria em terreno limpo, como campos e no máximo em colinas. Evite florestas, montanhas e terrenos acidentados… Não use a cavalaria pra bater de frente com o adversário, a infantaria esta ai pra essa função.
Ataque os flancos, as artilharias, cavalarias ou qualquer unidade desprotegida com os cavalos. Escolha muitooo bem o local onde você vai colocar sua artilharia, escolha onde ela tenha melhor visão, pense a frente, aonde e batalha vai se desenvolver.
Concentre o poder da artilharia num único ponto. Ataque onde o inimigo é fraco.
Não é preciso ter todas as suas forças em uma única formação, Ter 2 ou 3 unidades de infantaria em uma posição diferente do mapa pode ser muito vantajoso se você souber usar.
Se tiver escaramuçadores use-os no modo skirmish para perturbar o inimigo, esconda-os nas matas e ataque os inimigos enquanto eles avançam. Deixe sempre algumas unidades de infantaria (1 ou 2) atrás das suas linhas como reserva, assim elas estarão prontas para serem enviadas para onde for preciso durante a batalha.
Quando você estiver defendendo, intercale a infantaria com a artilharia. Aquele Canister Shot derruba qualquer infantaria.

São apenas algumas coisas, mas espero ter te ajudado.

Bom, já que entraram nas táticas, resolvi dar mais algumas.

A cavalaria tem que ser usada com sabedoria, mandar ela pra morrer é uma péssima escolha.
Se tentar ir pelos lados, vai dar de cara com a cavalaria inimiga, e se ela for superior, melhor deixar ela próxima as suas unidades e não demostrar que vai atacar com ela, e use para ajudar a infantaria no corpo-a-corpo. Use os charges com sabedoria, ataque unidades com moral baixa e persiga unidades que estão fugindo, mas lembre que se ela se meter numa briga muito grande, recue ela e traga os inimigos para uma emboscada.

A artilharia pode ser usada de várias maneiras, usando ela defensivamente, colocando ela em pequenos espaços da linha de infantaria, ou ofensivamente, em morros ou em locais de difícil acesso. Eu sempre distribuo os disparos e geralmente tento atacar o general inimigo com ela.

O general NUNCA entra em combate, o máximo que ele vai fazer e ele circular atrás da linha de infantaria para manter a moral.

Quanto as formações de infantaria, no geral, ela se resume numa linha, claro que você pode mudar conforme o terreno, mas o importante é como vai distribuí-la.
Unidades fracas devem se manter mais ao centro, enquantos as fortes devem ficar nos flancos, se conseguir derrubar um dos flancos adversários, a batalha estará quase ganha, faça um caminho seguro para sua cavalaria dar a volta e atacar os inimigos pelas costas ou atacar o general.

Enfim, numa maneira geral, essas são táticas simples, e você pode achar outras mais aperfeiçoadas na internet, mas o ideal é que você monte as suas.

A tática do BlackMORE me ajudou um pouco mais. Agora eu tô em direção a Paris novamente.

Poxa a França não merece ser conquistada, destruam o colonialismo Britânico !

Pelo contrário, conquistem a França sem dó nem piedade.

Que venha a Rússia e destrua os dois xD

*Que venha a Prússia

Imagina Prússia vs Rússia então?