Região de Tilea - Porto Seguro De Um Mundo Em Caos

Crusader Kings 2

Warhammer: Geheimnisnacht

Região de Tilea - Porto Seguro De Um Mundo Em Caos

Informações Essenciais

  • Jogo: Crusader Kings 2
  • Mod: Warhammer: Geheimnisnacht
  • Objetivo: Restaurar o Império de Myrmidia e quem sabe mais…

Obs: Boa sorte para mim! O jogo será lento, o mod é bem grande

Índice

Spoiler

Capítulo I - Chegada a Olesi
Capítulo II - Orcs

3 Curtidas

Eu nunca entendi direito da onde vem a lore de Warhammer, penso que seja um rpg de mesa. Ansioso pela ARR.

2 Curtidas

@Fabote é mais uma parodia da terra, com vários elementos de fantasia, Tilea mesmo é como se fosse uma itália, a maior cidade da região se chama Remas, foi dali que existiu o Império de Myrmidia, que depois teve sua capital em Myrmidens(a Constantinopla, maior cidade das regiões do império).

2 Curtidas

Crusader Kings 2

Warhammer: Geheimnisnacht

Região de Tilea - Porto Seguro De Um Mundo Em Caos

Capítulo I – Chegada a Olesi

Aaah… A cidade de Luccini, uma verdadeira cidade dos lucianos(cultura do grupo dos Tilean). As principais fortalezas dos tileanos são geralmente palácios ostensivos construídos por sua miríade de príncipes. Embora não possuam a guarnição típica ou homens blindados e cavaleiros livres de outros reinos, eles compõem os palácios com um verdadeiro exército de filósofos, pintores, escultores e outros polímatas em busca de patrocínio, que transformam as moradas dos príncipes tileanos em um verdadeiro centro cultural, e esse é o caso de Luccini, a capital do Principado de Luccini, estadia do Príncipe Callisto Calisti.

Claro, os problemas encontrados na famosa cidade não é diferente das outras da região. Por ser uma antiga cidade, várias lendas são criadas sobre sua criação, e em volta da mesma, nos livros de história está decrito que a cidade é a mais velha da região de Tilea, e que foi fundada pelos gêmeos Lucan e Luccina, não so isso, ainda incrementam elfos na história, que hoje estão apenas nos livros.

giancarlo

– Giancarlo! qual é mesmo o nome da cidade que está já a nossa vista? – Pergunta o Príncipe enquanto olha para o mar entre as árvores.

Giancarlo ao ouvir se endireita na carruagem, prestando a atenção no Príncipe. – Meu senhor, é a cidade de Olesi, a cidade de nossa anfitriã hoje.

– Me pergunto se ela é a escolha certa, que pelo menos seja atraente aos meus olhos. – Disse o Príncipe enquanto imagina seu rosto sentindo a brisa da costa passando.

– Bem… Essa eu não sei lhe responder. – Após alguns segundos em silêncio, continuava Giancarlo – Aliás, é um casamento estratégico, a beleza dela não deve importar muito no final das contas.

– Você até que tem um pouco de razão meu caro, mas… Bem, deixa para lá. – Disse o Príncipe voltando de sua imaginação.

principe

Logo a carruagem passava pelo portão da cidade, guardado por alguns soldados, aos olhos dos dois não parecia uma cidade muito relevante, agora tinham certeza. Mesmo assim, o arranjo desse casamento tem por claros objetivos, uma aliança militar, talvez uma futura integração ao Principado, aquela cidade era a capital de uma região que talvez forneceria algumas centenas de soldados.

O Príncipe e Giancarlo desciam da carruagem em frente as escadarias do palácio, estava lá a sua espera o Chanceller, que erguendo seus braços com um sorriso no rosto proferiu. – Seja bem vindo meu Príncipe, a cidade de Olesi, sua alteza lhe espera em seu palácio. – O Chanceller se curva diante do Príncipe em um sinal de boas vindas.

chanceller

O Príncipe então olha para frente para a escadaria, em sua cabeça ele fala para si enquanto segue em frente. – O frescor do mar é o mesmo de Luccini, talvez não seja assim uma cidade tão desfavorecida.

O Chanceller se ajeita e chama Giancarlo que estava a alguns passos do Príncipe. – Venha comigo por favor, os tramites ficam conosco por assim dizer, enquanto os dois se conhecem é claro. – Com sua atenção agora para o Chanceller, diz Giancarlo cordialmente. – Você na frente meu amigo.

De um lado Giancarlo, o Chanceller e 2 guardas do palácio seguem por uma segunda entrada, enquanto que o Príncipe sendo escoltado por alguns de seus guardas entra pelas portas do palácio, de longe uma grande sala, com pilares esculpidos, um piso que chega a refletir a luz e o formato das janelas, o sol da tarde levava a luz alaranjada de um lado ao outro.

duquesa

3 Curtidas

Crusader Kings 2

Warhammer: Geheimnisnacht

Região de Tilea - Porto Seguro De Um Mundo Em Caos

Capítulo II – Orcs

Uma horda perigosa de Greenskins chegou a Mintopua! Um Chefe de Guerra forte reuniu todos os greenskins escondidos em suas terras e outros provenientes de locais próximos, com o objetivo de superar as defesas, saquear e pilhar a província. O Conde Lapo Cirino prepara suas defesas em Mintopua, enquanto espera reforços de quem quer que seja, 1,500 orcs são perigosos para qualquer cidade, Mintopua provavelmente teria sua população dilacerada e extirpada deste mundo, além de que as notícias chegariam a outros campos de orcs, que cedo ou tarde acabaria vindo mais e mais para o coração do Principado de Luccini.

image

Em Luccini, o calmo mar cria um por do sol perfeito para uma tarde, enquanto o Príncipe mima o seu recém nascido filho de nome Roberto, a Duquesa Elisa, sua esposa de Olesi sorri com o sentimento de mãe no rosto, algumas mulheres não podem fujir disso. De repente na sala, o Chanceller de Luccini abre com força a porta do salão, todos na sala se viram para a entrada, enquanto que o pequeno Roberto começa a chorar, então o Príncipe Callisto fala para sua esposa, – Minha Princesa Elisa, por favor leve nosso filho para descansar em seu quarto. – Nervosa com a situação, a Princesa pega seu filho enquanto troca um olhar talvez de medo com o Chanceller parado esperando que ela saia do local.

O Chanceller, de nome Ovidio Mastroianni segura suas próprias mãos e pronuncia após pigarrear.

– Meu senhor! Trago notícias de Mintopua, a cidade acaba de ser cercada por uma horda de orcs, sim orcs! – Na sala os outros nobres começam a cochichar com outros que estão pertos.

– Silêncio! – Com uma entonação mais alta fala o Príncipe Callisto. – Liborio. – Disse novamente o Príncipe.

Enquanto dava passos para a frente do Príncipe, disse o nobre. --Senhor. – Levantando sua alça por conta do peso da espada em sua bainha. – As suas ordens. – Continuou Laborio levemente inclinando sua cabeça para cima e passando seu olhar nos outros nobres ao lado.

– Nos devemos ter algumas semanas para isso, então organize todo homem que puder. – Falou o Príncipe seriamente.

– Sim, senhor. – Disse Laborio. Após alguns passos de Laborio indo em direção a porta, novamente falou o Príncipe. – Aliás, temos muito dinheiro no tesouro, contrate mercenários, pegue o quanto for necessário. Orcs são perigosos, precisamos de mais homens. – Liborio faz um gesto de afirmativo com sua cabeça para o Príncipe e se vira novamente para a entrada do salão, enquanto os outros nobres olham para sua saída.

image

Perto de Mintopua, o Principe concerta sua luva, enquanto olha com os olhos meio fehcados para o cerco a Mintopua por conta do forte sol da manha. Logo atrás dele estavam os bannermans de guarda, com o estandarte de Luccini se movendo ao forte vento em cima do morro.

Subindo, chegando perto do Príncipe estava Liborio e o Capitão Damiano dos Atiradores de Marigliano, o Príncipe olha para os dois enquanto sua mão aperta o cabo da espada em sua bainha.

images

– Senhor, este é Damiano, o Capitão dos Atiradores de Marigliano, com ele vem cerca de 1,500 soldados. – Disse Liborio enquanto o Príncipe e Damiano trocam olhares sérios.

Os dois então ficam no lado do Príncipe olhando o cerco com o forte vento em seus rostos, o som dos estandartes se movendo rapidamente consegue ser ouvido.

20200116012740_1

3 Curtidas

Orcs malditos, matem todos!

2 Curtidas

@Fabote vai ser difícil, metade do mundo é deles basicamente, sem falar dos ratos do subterrâneo que devem causar problemas depois.

1 Curtida

Orcs… Que a fúria de Azeroth e Lordaeron e o espírito de Anduin Lothar caiam sobre eles!
(ok… jogo errado, acho…mas tá valendo :rofl: )

2 Curtidas

Campos de concentração com gás. extermínio stonks

2 Curtidas