[SE5] Até o Último Lostiano 2

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Space Empires V
v. 1.79

Essa é a segunda saga dos Lostianos contra uma Galáxia predadora.

Assim, agora começa a nossa nova derradeira aventura no Space Empires V que (esperamos) irá revolucionar o modo como conhecemos o jogo e nos deixará ansiosos pelo Space Empires VI.

E tudo começa (de novo) no ano de 2.400 onde o Consórcio Lost finalmente controlou a raça humana e inicia a exploração Galáctica.

Parâmetros:

Nº de raças: Muitas
Dificuldade: Difícil
Custo da Tecnologia: Alto
Tamanho do Mapa: Gigante
Bonus para a AI: Alto
Vitória: Expansão Maciça / Destruição dos Planetas Natais

A Galáxia, nossa localização e sistema:

E assim recomeça.

Que pena que tu tenha perdido na outra.

Acompanhando.

[b]Primeiros Contatos[/b]

Apenas em 2401.9 é que encontramos as primeiras raças.

Os Hervodah´s, habitantes de mundos rochosos e respiradores de oxigênio, concorrentes diretos nossos e os Xuzoshianos, também de mundos rochosos mas respiradores de metano.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

O detalhe aqui é que a política ficará por conta da AI. A seguir, a situação do Consórcio, bem diferente da primeira partida:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

A seguir, ainda com a guerra sendo travada apenas por palavras, encontramos os Falwejianos, de mundos de gelo e metano.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Pouco depois, Sithrakianos, habitantes de mundos rochosos e respiradores de oxigênio. Futuros membros do Consórcio Lostiano.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Habitantes de mundos gasosos e respiradores de gás carbônico, são Abbidonianos que encontramos a seguir.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Com a segunda geração da naves da série Explorer pronta, testamos as mesmas em combate:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Um sucesso.

[b][url=http://www.gsbrazil.net/forum/viewtopic.php?t=2394&view=findpost&p=39652]OPERAÇÃO TOMADA[/url][/b]

Mais Aliens, agora, os Phong´s, respiradores de gás carbônico e moradores de mundos rochosos.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Adendo: A política Lostiana será a de incorporar as raças respiradoras de oxigênio e confinar as demais em seus planetas natais exterminando suas colônias. Isso pq é um saco ficar remanejando habitantes de diversas raças e se colocamos um de oxigênio e um mundo de metano, perdemos capacidade populacional e de produção. E também, no futuro, iremos converter a atmosfera desses mundos para o oxigênio.

[b]OPERAÇÃO TOMADA[/b]

Os Hervodah´s, respiradores de oxigênio e habitantes de4 mundos rochosos criaram uma colônia em um sistema Lostiano. Começam os preparativos para a Operação Tomada onde invadiremos esse planeta incorporando o mesmo ao Consórcio.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

FASE 1

Demora, muita demora, por um erro burocrático (o Diretor responsável já foi preso e seus bens leiolados) nossa nave de transporte de tropas foi construída muito longe do foco da batalha.

Mas agora, as tropas e naves estão renidas e iniciam o avanço. A estratégia é simples, as naves Explorer vão na frente para receber possíveis mísseis inimigos e abrir caminho para o desembarque das tropas.

Um fracasso. As defesas eram muito superiores ao que a Inteligência havia avaliado.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

FASE 2

A segunta tentativa de desembarque acontece com a mesma estratégia e mais naves:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Ao custo de TODAS as naves envolvidas (5), conseguimos desembarcar e os combates em terra começam e:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)
[b]OPERAÇÃO TOMADA CONCLUÍDA[/b]

Muito legal Lost, pombas o negocio ta tenso, guerras com todas as raças.

Acompanhando

Só uma duvida, tu é os azulzinho né?

que fail eim lost =/

[b]Mais um passo[/b]

Em 2404.0, ruinas ancestrais com tecnologias são descobertas em uma nova colônia:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Com a Inteligência, adquirimos uma nave inimiga:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

E dela, por engenharia reversa, adquirimos tecnologias:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Enquanto isso, nossas naves enfrentam, em pequenas batalhas, todas as naves inimigas desgarradas em nossos sistemas:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)
[b][url=http://www.gsbrazil.net/forum/viewtopic.php?t=2394&view=findpost&p=39652]OPERAÇÃO TOMADA[/url][/b] Fase 1

Pela demora, a operação foi um fracasso em virtude da colônia inimiga estar bem protegida.

Pouco tempo depois, como em um castigo divino, perdemos DUAS de nossas colônias:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) Cena do ataque enquanto uma nave colonizadora tenta fugir, sem sucesso.

E mais uma raça nos declara guerra:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Assim como a prioridade estadunidense na II Guerra Mundial era a Europa em detrimento do Pacífico, a Alta Diretoria decide que a prioridade da guerra será o sistema Galgamis em virtude de ser a região onde já perdemos duas colônias:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

E outra raça nos declara guerra:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)
[b][url=http://www.gsbrazil.net/forum/viewtopic.php?t=2394&view=findpost&p=39652]OPERAÇÃO TOMADA[/url][/b] Fase 2
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) Sucesso ao custo de 5 naves

No mesmo turno, no mesmo sistema, perdemos uma colônia:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Em nossa recente conquista, percebemos que a aliança alienígena é ainda mais profunda. Nossos inimigos estão decididamente unidos contra nós:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) A ordem é exterminar os que não são respiradores de oxigênio

Mais uma raça:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Outra:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

E agora, o que nos reserva o futuro?

Oia!!!

Muito show Lost.

As batalhas espaciais e terrestres, to gostando, ainda muito mais pois eu estou entendendo o game.

[b]A maior aventura GSBiana no SE5 continua[/b]

Como se recordam, o Consórcio Lost conquistou um planeta. Agora, com a chegada de nossos colonos, a situação de Mveloem II fica assim:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Mas Galgamis, ponto focal de nossa estratégia de defesa ainda não é inteiramente nossa, uma colônia inimiga permace. Assim, utilizando a estratégia Lostiana de TOMADA*, iniciamos mais uma invasão:

    • A estratégia consiste em deixar naves menores receberam o grosso do fogo inimigo enquanto a nave transporte desembarca tropas no planeta.

Mas, as forças inimigas no sistema ainda representam perigo e atacam uma de nossas colônias, vitória Lostiana:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Na TOMADA, Com a perda de apenas uma nave, iniciam-se as operações em terra:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

O resultado, mais uma colônia Lostiana:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Seus habitantes, apesar de ser um mundo com atmosfera de hidrogênio, tem membros respiradores de oxigênio. Por ser uma planeta gigante, a alta diretoria determina a realocação das populações de oxigênio para maximizar o potencial do planeta:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Mais uma nave inimiga, adquirida pelo Serviço Secreto, é desconstruída e tecnologias são adquiridas:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Muito próximo de nosso sistema natal, as forças inimigas fazem manobras:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Uma ofensiva inimiga é debelada:

I

Como um teste para a nova geração de naves Explorer, a quarta mas de número 2, uma nave ataca duas naves inimigas:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Nesse momento, o Serviço Secreto traz para a Alta Diretoria Lostiana um relatório sobre a situação no Sistema Fezzran, em especial o planeta III, HomeWorld dos Xuzoshianos.

O relatório diz que os Xuzoshianos tem apenas 3 planetas colonizados e todos no mesmo sistema. E que possuem apenas 12 naves desatualizadas tecnologicamente.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Assim, a Alta Diretoria determina o início da

[b][url=http://www.gsbrazil.net/forum/viewtopic.php?t=2394&view=findpost&p=39979]Operação MEU BICHINHO PELUDINHO[/url][/b]

Economicamente, nos últimos turnos, o Consórcio Lostiano passou dificuldades tendo até mesmo que reciclar naves em perfeito estado operacional.

Em pesquisas, enfatizou-se a mineração em detrimentos de outras áreas por essa questão e, procurou-se novos mundos para colonização.

Mundos ricos em minerais e sem presença inimiga foram encontrados no sistema Velocitas, à nordeste do mapa galáctico.

Quando da colonização do segundo mundo, uma ótima surpresa:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Mais um ataque inimigo a uma de nossas colônias é debelado:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

No sistema Galagamis, uma frota inimiga é localizada e aniquilada:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

A seguir, a Operação MEU BICHINHO PELUDINHO é executada e mais uma colônia é incorporada ao Consórcio.

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Sua população:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

E status do Império:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Observem que em breve teremos problemas com radioativos

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Fail² as ultimas imagens não aparecem…

Operação MEU BICHINHO PELUDINHO
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) O alvo
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) Observem que nossa nave de transporte passa ao largo do campo de batalha.
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) E consegue desembarcar as tropas
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) A batalha no espaço tem os Lostianos como vencedores.
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) E começam as operações em terra, a ansiedade é grande pois esse é o primeiro HomeWorld a ser invadido
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) O resultado :rolleyes:
![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg) Mais uma colônia é incorporada ao Consórcio.

Muito show Lost.

Acompanhando.

Enquanto o café não faz efeito

A série Explorer 2 está ficando desatualizada, 5 são destruídas em um confronto contra 7 naves inimigas:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Mas as defesas planetárias, apesar de já estarem 3 gerações atrasadas ainda são suficientes e debelam mais um ataque inimigo:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Comprovando sua eficácia, mais um ataque debelado, o Diretor de Defesas Terrestres recebe a Comanda Lostiana, o mais alto Grau de Satisfação Meritológico do Consórcio:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Em Fezzran, muitas naves inimigas ainda circulam e há duas colônias alienígenas presentes. Como nosso política com os não respiradores de oxigênio é mantê-los apenas em seu planeta natal e exterminar as colônias, começamos a limpeza:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

Em tecnologias, nos últimos turnos não avançamos em nada pois toda a nossa pesquisa estava na busca da colonização de mundos de gelo. O motivo é simples, nesse ponto, sem uma grande armada para proteger, não temos como nos expandir para mundos rochosos em sistemas controlados pelo inimigo. E mundos de gelo são abundantes dentro de nossas fronteiras:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

A limpeza continua em Fezzran, agora atacamos as colônias, em um turno, duas são destruídas:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

A conseqüência, um inimigo a menos:

![](upload://6I6PuuEmauXO02up6hgyYXrei26.jpeg)

É o Consórcio atuando.