[WIKI] Guia Para Unidades Terrestres

Guia Para Unidades Terrestres

Conteúdo

  1. Visão Geral
  2. Milícia Prática
    [tab=30]2.1. Milícia (Mil)
    [tab=30]2.2. Guarnição (Gar)
    [tab=30]2.3. Polícia (Pol)
    [tab=30]2.4. Partisan (Par)
  3. Infantaria Prática
    [tab=30]3.1. Infantaria (Inf)
    [tab=30]3.2. Marines (Mar)
    [tab=30]3.3. Montanhistas (Mtn)
    [tab=30]3.4. Paraquedistas (Par)
    [tab=30]3.5. Engenheiros (Eng)
  4. Artilharia Prática
    [tab=30]4.1. Artilharia (Art)
    [tab=30]4.2. Artilharia de Foguetes (R Art)
    [tab=30]4.3. Antitanque (AT)
    [tab=30]4.4. Artilharia Autopropulsada (SP Art)
    [tab=30]4.5. Artilharia Autopropulsada de Foguetes (SP R Art)
    [tab=30]4.6. Destruidor de Tanques (TD)
    [tab=30]4.7. Antiaérea (AA)
  5. Unidades Móveis Prática
    [tab=30]5.1. Cavalaria (Cav)
    [tab=30]5.2. Carro Blindado (AC)
    [tab=30]5.3. Motorizada (Mot)
    [tab=30]5.4. Mecanizada (Mec)
  6. Blindados Prática
    [tab=30]6.1. Blindado Leve (L Arm)
    [tab=30]6.2. Blindado Médio (Arm)
    [tab=30]6.3. Blindado Pesado (H Arm)
    [tab=30]6.4. Blindado Super Pesado (SH Arm)
  7. Outros
    [tab=30]7.1. Quarteis Generais (HQ)

Visão Geral

Desde que os seres humanos vivem na terra, todas as guerras concentram se principalmente na terra firme. Assim seu exército é o ramo central de suas forças armadas. Comparado com as forças navais ou aéreas, a maioria das unidades terrestres são relativamente baratas por brigada, e não levam tanto tempo para serem construídas assim como os aviões ou navios. No Entanto, diferente das unidades navais e aéreas, unidades terrestres requerem grandes investimentos de oficiais e potencial humano.

Milícia Prática

O exército dos pobres, não são individualmente poderosos, mas em compensação essas unidades poupam suas industrias e oficiais. Entretanto será necessário muitas brigadas e um enorme potencial humano para se criar uma força eficaz.

Militia (Mil)

Formados rapidamente por quaisquer meios disponíveis e enviados para o front com o mínimo de treinamento, milícias são usadas quando não se tem o tempo ou os recursos necessários para se treinar infantaria regular, ou simplesmente se você quer ter um grande número de tropas no menor tempo possível.
Uma alternativa interessante a infantaria como unidade de linha principal, principalmente nos primeiros anos do jogo.

Vantagens:

  • Extremamente baratas.
  • Necessidade de oficiais extremamente baixas.
  • Consumo de suprimentos e combustíveis muito baixo, principalmente nos primeiros anos.
  • Fronte menor, permitindo trazer mais unidades de milícia para lutar juntamente com suas brigadas de apoio.

Desvantagens:

  • Fracas Individualmente.
  • Muito Lentas.
  • Pouco organizadas.
  • Moral Fraca
  • Poucas melhorias.
  • Arvore de tecnologia separada da infantaria (Não se beneficia dos upgrades da infantaria convencional).

Guarnições (Gar)

Usadas para guarnecer as áreas. Caso queira reposicioná-los você deve ordenar o reposicionamento estratégico devido a sua baixa velocidade.

Vantagens:

  • Baixa necessidade de oficiais.
  • Extremante baratas.
  • Se atualizada adequadamente pode se defender tão bem quanto a infantaria regular.

Desvantagens:

  • Mobilidade mínima (1km/h).
  • Ataque pesado fraco (Hard Attack).
  • Um pouco mais fraca do que a infantaria regular, mesmo que esteja na defensiva.

Polícia (Pol)

Vantagens:

  • Custo Baixo.
  • Brigadas de apoio para as guarnições.
  • Em território ocupado (antes da anexação), reduz o risco de revolta.

Desvantagens

  • Valor de combate quase zero.
  • Não funciona em territórios anexados.

Partisans (Par)

Vantagens:

  • Você ganha eles de graça.
  • Não usam suprimentos ou combustíveis.

Desvantagens

  • Crônica falta de habilidades de combate.
  • Você não pode Recrutá-los.

Infantaria Prática

A base de um exército convencional. Relativamente barata, proporciona uma força mais sólida do que as unidades práticas de milícias.

Infantaria (Inf)

Infantaria consiste de soldados regulares a pé, apoiados por anti-tanques leves, artilharia, e armas de apoio. Eles são o coração da maioria dos exércitos.
Quando tiver dúvida do que construir, faça mais infantaria.

Vantagens:

  • Baratos.
  • Bom ataque leve (Soft Attack).

Desvantagens:

  • Lentos.
  • Consomem muito potencial humano e oficiais.

Marines (Mar)
Infantaria especializada, treinada e equipada para ataques anfíbios, e guerra em rios em pântanos.

Vantagens:

  • Removem completamente as penalidades de ataque em pântanos, travessias de rios e ataques anfíbios.
  • Tem uma moral melhor que a infantaria regular.
  • Levemente mais rápidos do que a infantaria.
  • Um pouco mais resistentes do que a infantaria, provavelmente terão menos baixas ao atacar.

Desvantagens:

  • Duas vezes mais caro que a infantaria convencional em termos industriais, e 30% mais caros em consumo de oficiais e potencial humano.
  • Ataque ligeiramente mais fraco do que a infantaria, principalmente contra os tanques.

Montanhistas (Mtn)

Infantaria especializada, treinada e equipada para guerra em montes e montanhas.

Vantagens:

  • Não sofre penalidades de ataque e movimento reduzido quando lutando em montes e montanhas.
  • Moral melhor que a infantaria convencional.
  • Levemente mais rápidos do que a infantaria.

Desvantagens:

  • Cerca de 80% mais caros que a infantaria convencional em termos industriais e 30% mais caros em termos de potencial humano e oficiais.
  • Ataque ligeiramente mais fraco em relação a infantaria regular.

Paraquedistas (Par)

Infantaria especializada, treinada e equipada capaz de se posicionar por meio de paraquedas.
Bons para levar tropas para uma área caso tenha necessidade urgente de defesa ou ataque.

Vantagens:

  • Pode ser lançada de paraquedas (obviamente).
  • Tecnologias relacionadas a eles reduzem seu consumo de suprimentos.
  • São levemente mais rápidos do que a infantaria.

Desvantagens:

  • Custam cerca de 2,7 vezes o valor industrial da infantaria, e 50% mais caros em termos de potencial humano.
  • Ataque levemente mais fraco se comparado com a infantaria regular.
  • Doutrina separada entre as doutrinas aéreas para atacar a partir do ar.
  • Muito dispendiosos em termos de pesquisa, produção e escolta dos aviões de transporte.
  • Brigadas de apoio não podem ser atribuídas a eles sem que percam a habilidade de paraquedistas.

Engenheiros (Eng)

Equipados com equipamento de construção e demolição, engenheiros constroem pontes, limpam caminho através das árvores, e destroem fortificações, abrindo caminho para as outras unidades.

Vantagens:

  • Unidade rápida e suave, o que é bem raro.
  • Fornece bônus contra fortes, inclusive aos marines quando atacando um forte costeiro.
  • Permitem que as unidades se entrincheirem bem mais rápido, o que também é útil para os marines.
  • Reduz as penalidades impostas pelo terreno. Tanques atacando através de um rio tem se beneficiam grandemente de uma brigada de engenheiros.
  • Apenas 3 atualizações por cada ciclo, reduzindo o custo (muitas unidades tem 5-6 atualizações por ciclo).

Desvantagens:

  • Praticamente sem habilidades de combate.
  • A velocidade não se atualiza.
  • Os bônus são fortemente diluídos entre as brigadas de uma divisão (o modificador de terreno é a média de todas as brigadas na divisão).

Artilharia Prática

Todas as unidades de artilharia são brigadas de apoio. Existem mais tipos de unidades consideradas artilharia do que qualquer outro, incluindo unidades auto propulsadas, antiaéreas, entre outras.

Artilharia (Art)

Consiste de canhões de alto calibre, artilharia pode provocar destruição precisa e sustentada a partir de uma certa distancia.

Vantagens:

  • Barata, com pouca necessidade de potencial humano.
  • Ataque suave eficiente.
  • Faz com que divisões de infantaria onde esteja anexada pareçam mais fortes para a IA, desencorajando os de atacar, mesmo em situações em que a quantidade de infantaria regular é a mesma do inimigo.
  • Apenas dois equipamentos e uma atualização de doutrina por ciclo, reduzindo o custo (a maioria das unidades tem 5-6 por ciclo).
  • Como brigada de apoio não ocupa espaço para lutar, mesmo que não haja espaço deixado na frente para mais unidades.

Desvantagens:

  • Velocidade da infantaria. Anexar artilharia a unidades de forças especiais irá atrasá-los.
  • Consumo de suprimentos é 30% maior que o da infantaria.
  • Não tem valor de combate próprio, só é útil anexado a infantaria, principalmente quando esta ocupa toda a frente.
  • Grande obstáculo durante ataques anfíbios e combates em montanhas. Não pode ser anexada a Marines ou Montanhistas.

Artilharia de Foguetes (R Art)

Artilharia de foguetes usa foguetes ao invés de canhões, na vida real foguetes podem disparar bem mais projéteis em uma rajada do que artilharia de tubo convencional, mas em compensação não possui sua precisão ou cadência de fogo.
Muito similar a artilharia convencional, mas um pouco mais orientada para o ataque. Note que artilharia de foguetes usam teorias de foguetes, não de artilharia, mas as unidades usam artilharia prática.

Vantagens:

  • Mais barata do que a artilharia convencional.
  • Mais rápida do que a artilharia.
  • Atualiza melhor que a artilharia.
  • Sem níveis de pesquisa antes de 1936, ao contrário da artilharia tradicional é muito mais fácil de ser pesquisada e tem menos aumento nos custos de atualização.

Desvantagens

  • Sem atualizações para o ataque pesado.
  • Consumo maior de suprimentos do que a artilharia convencional.
  • Atualizações só começam depois da artilharia convencional.

Antitanque (AT)

Como a artilharia, mas com ataque pesado (Hard Attack)

Vantagens:

  • Barato.
  • Fonte eficaz de ataque pesado.
  • Apenas 2 equipamentos e uma atualização de doutrina por ciclo, reduzindo o custo de pesquisa.

Desvantagens:

  • Lento.
  • Sem ataque leve.
  • A maioria das unidades no jogo são alvos para o ataque leve, então ataque pesado contra eles é inútil.
  • No mínimo 40% de penalidade de combate em todos os tipos de terreno (Exceto ambiente urbano -35%). Assim sua efetividade se torna mais restrita para posições defensivas.

Artilharia Autopropulsada (SP Art)

Artilharia em rodas ou esteiras para aumentar a sua mobilidade.

Vantagens:
-Extremamente rápida. Se você não fizer os upgrades na blindagem, você pode fazer desta a segunda unidade terrestre mais rápida do jogo (Atrás apenas da artilharia de foguetes autopropulsada).

  • Moral pode ser melhorada, diferente da artilharia convencional.
  • Atualiza junto com os blindados.

Desvantagens:

  • Custa caro.
  • Muitos upgrades por ciclo (2 na artilharia + 3 na blindagem + 2 doutrinas), aumentando muito o custo.
  • Cerca de 2,7 vezes mais caro que a artilharia.

Artilharia autopropulsada de foguetes (SP R Art)

Esta para a artilharia autopropulsada assim com a artilharia de foguetes está para a artilharia convencional.

Vantagens:
-Mais barata do que a artilharia autopropulsada.

  • Mais rápida do que a artilharia autopropulsada.
    -Atualizações melhores do que a artilharia autopropulsada

Desvantagens:

  • Sem atualizações no ataque pesado.
  • Consumo de suprimento maior do que a artilharia autopropulsada.
  • Upgrades começam depois da artilharia autopropulsada.

Destruidor de tanques (TD)

Antitanque em uma esteira.

Vantagens:

  • Boa fonte de ataque pesado.
  • Fonte barata de ataque pesado permitindo que você possa “endurecer” as unidades leves efetivamente.

Desvantagens:

  • Baixo ataque leve e resistência.
  • Três vezes mais caro que o antitanque em termos de indústria.
  • Grande número de upgrades por ciclo (2 antitanques + 4 na blindagem +2 doutrinas), aumentando o custo.
  • Velocidade não é muito alta (A menos que você dispense as atualizações na blindagem, nesse caso ele pode ser bem rápido).

Antiaérea (AA)

Canhões antiaéreos rebocados provém proteção contra aeronaves, e também podem ser um pouco úteis contra blindados.
A única unidade terrestre com um ataque antiaéreo significante.

Vantagens:

  • Melhor ataque aéreo e defesa aérea de qualquer unidade terrestre.
  • Barato.
  • Apenas 2 equipamentos e 1 atualização de doutrina, reduzindo o custo.

Desvantagens:

  • Lento.
  • Ataque pesado fraco.
  • Ataque leve muito fraco.
  • Não ataca unidades na província em que está, a não ser que seja o alvo do ataque. Não vai impedir ataques logísticos ou estratégicos.

Unidades Móveis Prática

Unidades rápidas, leves, com menor custo do que os blindados. Esta categoria é infelizmente atormentada por duas unidades muito pobres, a cavalaria obsoleta, e as unidades mecanizadas extremamente caras. Carros blindados e divisões motorizadas no entanto, são escolhas sólidas.

Cavalaria (Cav)

Soldados montados a cavalo que rapidamente se tornam obsoletos na época da segunda guerra mundial.

Vantagens:
-Barata.

  • Ataque leve decente.
  • Rápida nos primeiros anos.

Desvantagens:

  • Atualizações reduzem sua velocidade.
  • Ataque pesado mínimo.
  • Arvore tecnológica completamente diferente da infantaria. Muitos níveis de pesquisa necessários para levar a cavalaria para 1938 a tornam mais fraca que a infantaria.

Carro Blindado (AC)

Blindados leves sobre rodas, com blindagem suficiente para absorver quaisquer disparos de pequeno calibre.

Vantagens:

  • Rápido e bastante barato
  • Pesquisa rápida e fácil para os padrões de 1938. Compartilha a arvore tecnológica com os blindados leves, as suas próprias tecnologias tem apenas 3 anos (1938, 1941 e 1944).
  • Ataque leve decente.
  • Pode aumentar o ataque leve de outras unidades mais rápidas se você procura usar armas combinadas, é um companheiro perfeito para divisões blindadas.
  • Como unidade de suporte, não ocupa espaço na frente de batalha, permitindo que ele entre em combate mesmo que os tanques tenham preenchido toda a linha de combate.
  • Na ausência de inimigos, brigadas separadas permitem que você faça uma exploração rápida.

Desvantagens:

  • Velocidade não atualiza mais rápido como outras unidades rápidas.
  • Ataque pesado fraco.

Motorizada (Mot)

Infantaria transportada por caminhões.

Vantagens:

  • Rápida.
  • Barata, para uma unidade rápida.

Desvantagens:

  • Velocidade não se atualiza tão rapidamente como acontece com outras unidades rápidas.
  • Muito leve.
  • Requer um alto nível de pesquisa da cavalaria para ser ativada.
  • Alto número de atualizações por ciclo (4 na infantaria + 2 nos blindados leves + 2 doutrinas). Aumentando bastante o custo.

Mecanizada (Mec)

Infantaria em veículos meia lagarta, ou carregadores pessoais, com tanques como suporte. O aumento de custo severo devido ao número massivo de atualizações faz com que divisões mecanizadas sejam uma escolha muito fraca.

Vantagens:

  • Forte individualmente. O terror da infantaria regular.
  • Rápida. Uma grande unidade de para exploração e defesa móvel, capaz de rapidamente conduzir um avanço, abrir uma brecha nas linhas inimigas, cercar parte das forças inimigas, e manter sua posição enquanto a sua frente avança para esmagar o inimigo cercado.
  • Pesquisada junto com os blindados leves, o que permite que sincronize bem com eles, atingindo uma alta velocidade, tem um bom valor de ataque e um bônus de armas combinadas.

Desvantagens:

  • Caro (Mais caro do que os blindados leves)
  • A velocidade não se atualiza tão rápido como as outras unidades.
  • Número de atualizações extremamente alto por ciclo (4 na infantaria + 4 nos blindados leves + 2 doutrinas). Aumentando bastante o custo. De fato, em 1945 (ou antes, com os bônus da eficiência de produção), divisões mecanizadas custam mais do que blindados!

Blindados Prática

As unidades que se aplicam na seção de blindados são todos tanques. Esses são as unidades terrestres mais poderosas do jogo, e também as mais caras.

Blindado Leve (L Arm)

Tanques leves, com foco na velocidade ao invés de poder de fogo ou blindagem. Tanques leves pesam em torno de 7 a 20 toneladas, geralmente se tornam mais pesados com o passar do tempo devido as atualizações.

Vantagens:

  • A mais rápida brigada de combate no jogo.
  • Barato para uma unidade pesada.
  • Não são tão afetados pelo terreno como os tanques pesados.

Desvantagens:

  • Ataque não se atualiza tão rapidamente como acontece com os tanques pesados.

Blindado Médio (Arm)

Tanques leves, equilibrados em velocidade, poder de fogo e blindagem. Os tanques médios iniciais pesam menos de 20 toneladas, mas a maioria dos tanques médios durante a guerra pesa em torno de 25-30 toneladas. No pós guerra, os principais tanques de batalhas pesam entre 40-50 toneladas.
Provavelmente a melhor das unidades pesadas.

Vantagens:

  • Boa velocidade, especialmente se você não atualizar a blindagem para os tanques (não recomendo deixar sem atualizar).
  • Baixa leveza.
  • Atualiza bem, cada atualização do canhão do tanque dar a você +1 de ataque leve e pesado.
  • Alta concentração de poder, isso ajuda a poupar potencial humano e oficiais relativos as unidades mais baratas.

Desvantagens:

  • Caro.
  • Grandes penalidades em terreno difícil.

Blindado Pesado (H Arm)

Tanques pesados, muito lentos para ser a melhor escolha em operações ofensivas. Mas possui uma alta blindagem e armas pesadas. Tanques pesados pesam geralmente entre 50-70 toneladas. Se você tem capacidade industrial infinita, essa pode ser sua melhor escolha.

Vantagens:

  • Uma das mais poderosas brigadas do jogo. (perde só para os Super Blindados Pesados)
  • Atualiza bem, cada atualização do canhão do tanque pesado da + 1 de ataque leve e 1,25 de ataque pesado.
  • Baixa leveza.

Desvantagens:

  • Muito caro.
  • Lento.
  • Penalidades muito grandes em terreno difícil.

Blindado Super Pesado (SH Arm)

Os maiores tanques já concebidos, nenhum tanque super-pesado é conhecido por ter participado de um combate. Tanques super pesados pesam geralmente em torno de 75 toneladas. Diferente de outros blindados, tanques super-pesados são unidades de suporte, e logo, não ocupam espaço na frente de combate.

Vantagens:

  • Concentração extrema de força.
  • Atualiza bem, Cada atualização no canhão do tanque super-pesado dar + 1 de ataque leve e + 1,25 de ataque pesado.
  • As unidade com mais baixa leveza no jogo.
  • Necessidade de potencial humano quase zero.

Desvantagens:

  • Extremamente caro.
  • Extremamente lento.
  • Quase ineficaz em terreno ruim.
  • É necessário pesquisar todos os outros tipos de blindados para níveis respeitáveis para ganhar acesso a eles.

Outros

Quarteis Generais (HQ)

Você tem que ter HQs. Eles começam muito lentos, mas você pode atualizar sua velocidade com a tecnologia de guerra móvel. Eles tem uma capacidade ofensiva muito baixa, embora com upgrades eles se tornem muito duráveis.

Vantagens:

  • Uma estrutura de comando dá bônus às unidades.
  • Não precisa ser construído diretamente.
  • Com as devidas atualizações em velocidade pode ser usado como uma unidade leve de velocidade média.

Desvantagens:

  • Ataque leve e pesado muito fraco.
  • Grande número de atualizações (8 por ciclo), aumentando o consumo de suprimentos e combustível.

[center]Faça sua parte, participe de forma mais efetiva!
Crie algum tutorial sobre o jogo ou sobre modding.
Isso ajuda o GSB e a comunidade lusófona de jogadores de Hearts of Iron
[/align]

Jord ficou muito bacana cara!Tipo artilharias tirou muitas duvidas,grande guia!

belo post! vai tirar muitas duvidas de unidades que eu não utilizava! :thank otimo tópico pro pessoal que tem dificuldades de montar uma divisão! :cool

Muito boa é sua Wiki está me ajudando muito.

Boa, vou dar uma lida pra ver se entendo um pouco mais do jogo xD

Valeu pessoal, perdoem aí qualquer erro que possa ter havido na tradução, tenho algumas limitações no inglês, mas fiz o possível para ser coerente e de fácil compreensão.

Vantagens:

  • Baixo ataque leve.
  • Boa fonte de ataque pesado.
  • Fonte barata de ataque pesado permitindo que você possa “endurecer” as unidades leves efetivamente.

so arruma isso aí :wink: " baixo ataque leve"

acontece que a tradução literal seria “ataque macio(Soft attack)”, então coloquei ataque leve para soar menos estranho.

eu tava falando ali das vantagens / desvantagens não da tradução

baixo ataque leve é desvantagem e não vantagem :frowning:

Acho q aí depende… Soft attack é pra unidades sem proteção (infantaria) enquanto hard attack é pra unidades com proteção (blindados). Pelo menos isso é algo q eu acho q entendi no jogo…

Não necessariamente hyriuu, soft attack, é ataque de armas leves, como metralhadoras, rifles, coisas do tipo, hard attack se aplica a armas pesadas, como canhões, bombas, etc. Tem unidades blindadas, como por exemplo, o carro blindado que tem um bom ataque “soft”.

realmente ninguém entendeu o que eu quis dizer… como baixo soft atack/ ataque leve pode ser uma vantagem???
além disso ele está como uma vantagem e desvantagem ao mesmo tempo, é só apagar a linha de "baixo ataque leve"das vantagens :wink:
espero que tenha ficado claro agora :wink:

Corrigido camarada.

Ok.

só por curiosidade que wiki’s ainda faltam? :smiley:

Vou resumir pra você. Muitas, acho que agora que traduzi uns 15%, mas só vou traduzir as mais importantes, tem muito guia lá que não tem necessidade prática saber, só mais informação técnica.

Mas as próximas vão ser sobre a composição das divisões, das melhores seleções de unidades terrestres a nível de brigada, e guias para a marinha e a força aérea.

interessante vai me ajudar muito :wink:

para retribuir eu posso ajudar a traduzir, eu tenho muito tempo disponível, não tenho muito o que fazer de tarde então ta realmente um tédio.
então se quiser é só mandar pra mim que eu mando de volta traduzido :wink:

ACHO q ñ me fiz entender… quando eu disse “é pra…” quis dizer “é melhor pra atacar…”. No caso, o ataque Soft é pra atacar infantaria e Hard pra atacar unidades blindadas. OU sempre fiz besteira das grandes e por isso q me ralo no jogo xD

Não, você entendeu, é isso mesmo Hyriuu

e como recrutar unidades com 100k ? eu só consigo fazer brigadas :confused: ai fica foda encher toda a costa brasileira de tropas

Não entendi bem o q $$ tem a ver com tropas no HoI, já q vc usa IC pra construir… e pq encher toda a costa?
Anyway, seja bem-vindo :slight_smile: